Seus cabelos agradecem: mitos e verdades dos finalizadores

Juliana Tozzi | 17 outubro 2016

Otimize a sua rotina capilar e tire ainda mais proveito dos produtos ao saber mais sobre os mitos e verdades dos finalizadores.

Aqueles produtos finalizadores que você tem aos montes no seu banheiro, como o creme de pentear, o óleo capilar, o spray fixador e o gel são essenciais para estilizar os fios no dia a dia, ajudando a fixar os penteados e a deixar as mechas com aspecto brilhoso e saudável. Mas quem nunca ficou na dúvida se pode usar os produtos em cabelos oleosos ou muito finos? Ou então se os fios crespos podem ser finalizados com qualquer uma das opções? Para acabar de vez com essas e muitas outras dúvidas, confira os mitos e verdades dos finalizadores.

Mitos e verdades dos finalizadores

Muitas mulheres acreditam que por terem cabelos oleosos, não devem usar produtos finalizadores, para não agravar o problema. Mas, dentre os mitos e verdades dos finalizadores, essa afirmação não é condizente. Pelo contrário, quando usados corretamente, eles podem ajudar a disfarçar o efeito escorrido, como as mousses e sprays para dar volume ao cabelo. O ideal é sempre aplicar os produtos nos fios úmidos e manter uma boa distância da raiz e do couro cabeludo, para evitar problemas como caspa e dermatite seborreica.

Umidade e leveza

A estrutura dos cabelos cacheados e crespos faz com que sejam sensivelmente mais frágeis e, por isso, tenham maior tendência à quebra. Na hora de estilizar este tipo de fio é essencial ter  delicadeza, especialmente ao desembaraçar. Uma dica é escolher pentes de dentes largos e pentear enquanto ainda estiverem úmidos, aproveitando para inserir os produtos finalizadores durante esta etapa.

Couro cabeludo

De acordo com mitos e verdades dos finalizadores, alguns cremes de pentear dariam a sensação de fios mais pesados, por deixá-los mais lisos e hidratados. No entanto, o produto não afeta em nada a leveza e saúde dos fios, que voltam ao efeito natural assim que ele é por meio de uma nova lavagem. Claro, que o excesso, especialmente no couro cabeludo, pode criar um acúmulo de resíduos que enfraquece o fio e atrapalha o crescimento.

Gel e pomadas também estão nas lista dos mitos e verdades dos finalizadores. Eles não estragam os fios, mas contato direto com o couro cabeludo podem causar a obstrução e inflamação dos folículos capilares. Além de queda que cabelo, isso também pode inibir também o crescimento dos fios. Mas calma, você não está proibida de usar esses finalizadores. Apenas precisa ter cuidado redobrado na hora da limpeza e realizar ma lavagem profunda com um shampoo antirresíduos.

Sugestões de produtos

Caso sinta que os fios estão levemente ressecados, recomendamos o uso de algum óleo vegetal de sua preferência sempre que sentir necessidade. Tente o Óleo Nexxus Oil Infinite, um leave in para deixar o cabelo macio e hidratado sem deixá-lo pesado? O Óleo Nexxus Oil Infinite tem um complexo de seis óleos naturais, incluindo Babaçu e Marula, ambos conhecidos por suas propriedades condicionantes.

TRESemmé Spray Texturizador Expert Perfeitamente (des)Arrumado é uma boa pedida para criar ondas suaves e dar movimento. Para alcançar o efeito, basta borrifar o produto e dar uma amassadinha no cabelo com as mãos. Para finalizar, dê acabamento hidratante nos fios com algum óleo vegetal de sua preferência. Experimente o Serum-in-oil Dove Advanced Hair Series Regenerate Nutrition, que ajuda a tratar os cabelos devolvendo a aparência saudável e natural.

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.