Tipos de grampo: entenda o que é cada acessório

Acredite, não há apenas um tipo de grampo. Conheça melhor essa ferramenta tão versátil que pode até servir de acessório de cabelo!

Você sabia que existem diferentes tipos de grampo? Não, você não leu errado. À primeira vista, pode até parecer que a versão serrilhada e com bolinha na ponta é a única no mercado e somente os diversos tamanhos e cores é que variam, mas não. Há diferentes tipos que podem ser tão ou mais versáteis que essa ferramenta tão pequena e discreta, mas tão necessária, sobretudo na hora de criar penteados. Quer descobrir quais são eles? Vamos lá!

Tipos de grampo diferentes para você escolher

Grampos são essenciais para criar penteados bem feitos. Além de prender os fios do jeito que você deseja, eles ainda conseguem deixar o cabelo com efeitos diferentes, mais arrumado ou mais bagunçadinho: tudo só depende do seu gosto pessoal e do seu humor no dia. Apesar do tamanho pequeno, são definitivamente a ferramenta mais útil na hora de criar um visual novo com os fios.

E aqui não falta criatividade! Eles podem ser usados como verdadeiros acessórios de cabelo quando organizados de forma divertida na cabeça, quando se varia os tamanhos no comprimento ou ainda quando se aposta em cores que contrastam de propósito com a cor dos fios. Mas dá para escolher opções diferentes conforme sua intenção. Aprenda aqui quais são os tipos de grampo:

Grampos de segurança

É o tipo mais comum de grampo. Em inglês, é conhecido pelo nome de bobby pin. Trata-se da versão com uma haste serrilhada, outra liso e bolinhas de plástico nas pontas. Sua principal função é segurar as mechas e, por isso, o jeito correto de usá-lo é sempre com as serras voltadas para dentro para dar sustentação. É a ferramenta ideal para ser usada na base de um penteado, para que ele fique firme e não corra o risco de desmanchar com o tempo.

foto de grampos de cabelo
Grampos de segurança são a ferramenta ideal para ser usada na base de um penteado.

Grampos invisíveis

São grampos bem mais finos e longos, cujas hastes ficam não se encontram, ficando relativamente distantes uma da outra. Seu formato lembra o da letra U. Em inglês, atendem pelo nome de hair pins. Como não possuem haste serrilhada, não oferecem muita sustentação, mas são excelentes para arrumar mechas mais finas de penteados mais soltinhos, como coques baixos e laterais. O resultado é um penteado muito mais natural. Não é à toa que os cabeleireiros amam! Para usá-lo, posicione-o primeiro sempre na vertical e, se precisar mudar a direção, faça isso já com a ferramenta dentro do comprimento. Para que ele fique bem fixo, lembre-se de afundá-lo até o fim na mecha.

Grampos retos

Também chamados de roller pins ou grampos para bobes. São grampos com duas hastes lisas, mais longas e com bolinhas de plástico nas pontas. Recebem esse nome porque são o tipo de grampo mais indicado para fixar bobes ao cabelo, criando um cabelo ondulado perfeito ou apenas deixando sua escova com mais volume na raiz. Caíram um pouco em desuso quando criaram os bobes com velcro.

Grampos curvos

Os grampos curvos são ótimos tipos de grampo para mulheres com bastante cabelo. São especialmente indicados para prender as mechas de trás de um penteado, criando um efeito mais natural.

Sugestão de produtos

Na hora de pensar em um penteado novo, não são só os tipos de grampo que importam, mas também (e mais importante) a saúde do seu cabelo. Para os fios ficarem sempre bonitos por dentro e por fora, aposte em produtos específicos para seu tipo de cabelo. Shampoo e condicionador com óleos vegetais em sua fórmula são boas escolhas para todos as texturas. No chuveiro, combine, por exemplo, Shampoo Seda Óleo Hidratação e Condicionador Seda Óleo Hidratação, com óleos de argan e amêndoas. Desembarace os fios ainda úmidos com a ajuda de um creme para pentear, como o Creme Para Pentear Dove Óleo Nutrição.