Ilusão de ótica capilar: quando o truque parece, mas não é

Acabar com a calvície? Tornar o rabo de cavalo mais encorpado? E  conseguir um corte chanel sem diminuir os fios? Confira os melhores golpes de vista para seu cabelo.  

Na moda a ilusão de ótica está em alta. É o trompe-l’oeil, uma técnica que faz com que traços bidimensionais pareçam ter três dimensões. Por exemplo, no vestuário, isso ocorre quando um desenho em xis parece ser uma amarração cruzada. Ou o desenho de um bolso faz crer que, ali, existe um bolso de verdade. Essa técnica não se restringe à arte e à moda. Há também a ilusão de ótica capilar. Aquele truque que faz parecer ser, mas não é de verdade.

Quatro modos de induzir à ilusão de ótica capilar

A ilusão de ótica capilar nem sempre se relaciona ao trompe-l’oeil. Existem ocasiões em que traços em duas dimensões pareçam ser tridimensionais, sim. Mas, noutras vezes, o que engana o olho é algum outro detalhe, que faz o cabelo parecer mais volumoso ou mais curto. Isso, sem que nenhum fio seja de fato acrescentado ou tenha seu comprimento diminuído. Daí é que vem o golpe de vista.

É pintura ou é cabelo?

Não há outra ilusão de ótica capilar tão evidente quanto a micropigmentação do couro cabeludo. Em geral, usada por homens, ela também é muito útil para mulheres que sofrem de calvície total ou parcial. Em vez de ficar com o couro cabeludo à mostra, a micropigmentação passa a colorir definitivamente essa parte da cabeça. O resultado é um autêntico trompe-l’oeil: onda há pontos pequeninos desenhados, como se fossem tatuagens, as pessoas enxergam cabelos curtíssimos.

Quem faz uso da micropigmentação usa da ilusão de ótica capilar, para fazer crer que optou por um buzz cut. A ideia é exatamente enganar a visão. Ao ser submetida a essa técnica, não se deseja que alguém veja e reconheça “olha só, uma cabeça toda tatuada”. Em vez disso, parece que a cabeça foi raspada com máquina zero.

Franja falsa

Outra ilusão de ótica capilar pode ser facilmente conseguida por quem tem cabelo médio ou comprido e inteiro. Que tal refrescar o visual com uma franja, mas sem precisar diminuir os fios? Graças a um golpe de vista, é possível sair por aí usando uma bela franja, sem precisar passar a tesoura. O penteado, que não à tao se chama “falsa franja” é feito com um rabo de cavalo e um lenço ou bandana. Coloca-se as pontas do cabelo à frente da testa, fixando-as com a ajuda do acessório de cabelo. O resultado é perfeito para fios lisos ou cacheados. 

Falso chanel

E que tal passar de um cabelo longo para um clássico corte chanel, sem precisar de tesoura? O falso chanel ou falso bob cria uma ilusão de ótica capilar, ao prender a segunda metade do comprimento do cabelo, embutindo-a junto à nuca. O resultado é um aspecto de corte chanel com as pontas impecavelmente viradas para dentro. Parece que o cabelo está curto e escovado, porém ele continua comprido e preso com a ajuda de grampos.

Mulher faz truque de ilusão de ótica capilar com dois rabos de cavalo
Um rabo de cavalo sobre o outro dá a ilusão de ótica de que o cabelo é mais cheio.

Rabo de cavalo gordinho

Quem tem pouco cabelo sabe como é ter que lidar com um rabo de cavalo ralinho. Mas uma ilusão de ótica capilar ajuda a dar a impressão de que o penteado é bem mais gordinho. Para isso, basta fazer um rabo de cavalo com a primeira metade do cabelo (pegando os fios da coroa e também os da metade de cima da cabeça) e outro rabo com os fios que sobraram, da metade horizontal até a nuca. O segundo rabo é preso logo abaixo do primeiro e, em vez de parecer que são dois rabos, fica parecendo que é um só, mais cheio e mais longo.

Sugestões de produtos

Shampoo TRESemmé Reconstrução e ForçaCondicionador TRESemmé Reconstrução e Força, para ajudar a recuperar os cabelos danificados. E Dove Serum Reconstrução Pontas Duplas, que é um auxílio para fechar pontas abertas, sem precisar cortá-las.