Tranças

Penteados medievais para se inspirar nos dias de hoje

×

A Idade Média certamente não foi a época mais divertida para se nascer – ou viver como – mulher, mas isso não significa que não possamos nos inspirar um pouquinho nos penteados medievais.

Durante boa parte da Era Medieval, os cabelos ficaram escondidos em chapéus e tecidos. Ainda assim, principalmente por causa da cultura Viking, o período ficou conhecido pelo estilo com longos fios trançados de todas as maneiras. A Idade Média certamente não foi a época mais divertida para se nascer – ou viver como – mulher, mas isso não significa que não possamos nos inspirar um pouquinho nos penteados medievais.

Deixemos por lá os casamentos planejados, as roupas que mais pareciam armaduras e a completa submissão feminina. Para os dias de hoje, sugiro trazermos apenas as incríveis personagens de séries e os penteados medievais cheios de tranças e estilo!    

Penteados medievais: tranças, tranças e mais tranças!

Trança holandesa

A trança holandesa atravessou os séculos. Fez sucesso na Idade Média, continuou fazendo a cabeça das camponesas europeias nos períodos seguintes. Até hoje, é sinônimo de feminilidade e delicadeza. E tem mais! Apesar de parecer complexo de fazer, é muito rápida. Reparta o cabelo ao meio e faça uma trança simples de cada lado. Em seguida, cruze as duas tranças no topo da cabeça… E é só isso!

Semipreso com tranças

Não há vergonha em confessar que boa parte da nossa noção dos penteados medievais vem dos seriados e filmes a que assistimos. Tomemos como exemplo a rainha Daenerys, a Mãe dos Dragões em Game Of Thrones: vocês concordam que ela é também a rainha das tranças da TVl? São tantos estilos lindos e que poderiam muito bem ser usados por nós que dá até para perder a conta. Versátil, esse semipreso pode ser feito com duas, quatro, seis tranças – e ficará impecável em todos os casos.

Trança francesa com rabo baixo

A trança francesa com rabo baixo era um dos penteados medievais perfeitos para as mulheres guerreiras. A trança começa embutida na raiz, o que garantia uma visão sem obstáculos do campo de batalha. Hoje em dia, é uma boa opção para as esportistas ou para as guerreiras do dia a dia: não seria bom enfrentar a luta de cada dia sem se preocupar com fios arrepiados ou caindo nos olhos?

Tranças invertidas

As tranças invertidas ou tridimensionais são chamadas assim porque aparentam se destacar do resto dos fios, como um 3D. Além disso, a sua execução é como a de uma trança embutida, só que ao contrário. Não entendeu? Clique aqui para o passo a passo explicadinho.

Trança cascata

Não tema! A trança cascata é outro dos penteados medievais que são mais fáceis de fazer do que parecem. Primeiro, separe uma mecha um pouco acima da orelha e divida-a em três partes menores. Vá trançando como se fosse uma trança comum, levando uma mecha lateral ao meio e depois a outra mecha. Mas aqui vai o pulo do gato: depois de fazer o primeiro gomo de trança normalmente, solte a mecha da parte inferior. Agora, acrescente uma nova à trança para substituir a mecha que foi solta. Repita o processo de trançar e soltar uma mecha até chegar a parte de trás da cabeça. Prenda com um elástico. Faça o mesmo do outro lado da cabeça. Por último, junte as duas tranças e prenda com um elástico transparente. Simples assim.

Sugestão de produtos

Todo bom penteado começa ainda dentro do chuveiro com o shampoo e o condicionador certos para você. Para deixá-los bem macios, você pode apostar, por exemplo, na combinação de Shampoo Seda Ceramidas e Condicionador Seda Ceramidas, que hidratam profundamente os fios, mas deixando-os leves. Para ajudar a desembaraçar o cabelo, aposte em um bom creme para pentear, como o Creme Para Pentear TRESemmé Expert Detox Capilar, com chá verde em sua fórmula.

All Things Hair
All Things Hair
07 janeiro 2017

Próximos
Artigos