Queratina dá força aos cabelos crespos e cacheados

All Things Hair | 08 março 2016

Saiba tudo sobre a queratina, proteína essencial para a formação dos cabelos, responsável pela resistência dos fios.

Os fios de cabelo são compostos em 85% por queratina, uma proteína fibrosa formada por aminoácidos, sendo a cisteína o mais importante entre eles. Além de estar presente na composição dos cabelos, a queratina também ajuda a dar forma às unhas. Porém, as agressões causadas por procedimentos químicos, térmicos e externos fazem com que os cabelos percam parte dessa proteína tão essencial, ficando porosos, quebradiços e sem vida, sendo necessário repor massa com a ajuda de tratamentos específicos.

Queratina nos cabelos crespos e cacheados

A queratina envolve os fios com uma película, deixando-os mais resistente e elásticos. Nos cabelos crespos, essa camada protetora é ainda mais fundamental, já que esse tipo de fio é naturalmente mais frágil pela falta lubrificação no comprimento, um problema causado pela característica espiralada do fio, que impede com que o óleo produzido no couro cabeludo seja transportado até a ponta.

O resultado são escamas abertas e uma maior tendência ao ressecamento e às pontas duplas, o que pode ser solucionado com doses extras de queratina presente em shampoos, condicionadores, máscaras e séruns fortificantes.

Esses fios frágeis também são costumeiramente submetidos a procedimentos químicos (como alisamentos e relaxamentos) e térmicos (chapinha, secador) que potencializam o problema porque “roubam” parte da queratina dos fios, deixando espaços abertos na fibra capilar, o que acarreta na porosidade e na falta de resistência. A reposição de queratina feita com tratamentos específicos preenche esses pequenos espaços e devolve a força aos fios.

Como repor a queratina nos fios

No dia a dia, quem tem cabelos danificados ou que passam por processos de alisamento e tintura deve incluir produtos com shampoos, máscaras e séruns fortificantes enriquecidos com proteína para a manutenção da elasticidade. Algumas marcas oferecem ampolas de queratina concentrada para serem misturadas ao condicionador de todo dia, uma opção prática para ser incluída na rotina capilar.

Porém, quando o dano é muito expressivo e os cabelos demandam por cuidados intensivos, é preciso recorrer a alguns tratamentos mais profundos para repor a massa dos fios. Os mais comuns são:

  • Nanoqueratinização: feita com queratina líquida, cujas partículas são microscópicas, que é vaporizada nos fios com a ajuda de uma escova especial e finalizada com chapinha de cerâmica para selar as cutículas (parte externa dos fios).
  • Cauterização: muito popular, esta técnica também conhecida com plástica ou reconstrução capilar, pode ser feita em casa ou no salão. Nela, a queratina está presente em cremes específicos que são passados nos cabelos úmidos e agem por alguns minutos. Por fim, pode-se usar a chapinha ou fazer a finalização a frio.

Dicas de produtos

Para repor a queratina perdida dos fios, procure por produtos que contém essa proteína na fórmula. O Shampoo TRESemmé Blindagem PlatinumCondicionador TRESemmé Blindagem Platinum porque eles contêm na fórmula a Pro-Queratina e os lipídeos, que ajudam a reparar a estrutura dos fios e selar as cutículas, blindando o cabelo. O Creme Para Pentear Seda Restauração Instantậnea ajuda a proteger os fios dos danos por meio da exclusiva tecnologia Nutri Queratina. 

(Artigo publicado originalmente em MeuCrespo.com.br)

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.