Chapinha gelada pode descolorir e hidratar o cabelo

A chapa esfriou (ficou gelada, na verdade). Conheça mais sobre a ferramenta de cabelo que é novidade

Quando alguém ouve falar de chapinha gelada, a primeira reação é pensar numa versão abaixo de zero da ferramenta tradicional, aquela a que já estamos mais do que acostumadas e que alisa o cabelo a partir do calor. Porém, a chapinha gelada tem outras funções: clarear ou hidratar os fios.

É importante prestar atenção num detalhe: não é uma só chapinha gelada que clareia e hidrata os fios. Para cada finalidade, há uma ferramenta diferente. Porém, em comum, elas têm o fato de serem menos agressivas para o cabelo do que a chapinha tradicional.

Desde os anos 1990, a chapinha quente faz sucesso entre quem quer ter fios impecavelmente lisos. Ela foi um tipo de revolução, porque permitiu fios esticadíssimos sem a ajuda de química e com um acabamento mais perfeito do que o dos recursos antigos e populares quando ela surgiu, como escova ou touca de meia.

Mulher tem cabelo loiro e curto, ela ilustra matéria sobre chapinha gelada
O tipo de chapinha gelada que hidrata o cabelo é indicada para o uso em casa. | Foto Jennifer Cohen

Embora entregue o que promete, a chapinha tradicional tem graves efeitos colaterais, quando usada nos fios frequentemente. O calor potencializa a desidratação dos fios, já que extrai deles a água. Além de ressecados, esses fios ficam fragilizados. Mais propensos à quebras, opacidades e pontas duplas.

O diferencial da chapinha gelada (ou chapinhas geladas, já que são dois tipos usados para funções distintas) é, justamente, a baixa temperatura. Além de pouparem o cabelo dos malefícios causados pelo calor, ela ainda ajuda a descolorir e a tratar.

Chapinha gelada: para clarear o cabelo

Da Califórnia, mesmo local onde nasceram tantas técnicas de coloração dos fios, vem a chapinha gelada que é capaz de clarear o cabelo. O produto, cujo público-alvo é formado por profissionais de beleza, é usado junto a um produto específico. Depois de as mechas serem revestidas com papel alumínio, como na balayage.

Então, a chapinha gelada entra em ação. O profissional passa a ferramenta sobre os fios, o que os clareia de modo muito mais rápido do que com a ajuda da química. O resultado prometido são fios mais claros, em tempo recorde e sem ressecamento.

Chapinha gelada: para descolorir o cabelo

Também dos Estados Unidos vem a chapinha gelada que serve para hidratar o cabelo. O processo é feito com o cabelo úmido . Nele, é aplicado um produto específico e, depois, a chapinha entra em cena, para ajudar a fixar o produto nos fios e a conquistar uma hidratação profunda.

Segundo o fabricante, o efeito é acumulativo. Ou seja: apesar de benefícios poderem ser sentidos a partir da primeira aplicação, os fios ficam cada vez mais hidratados, uma aplicação após a outra.

A chapinha gelada e hidratante não é presa por nenhum fio. Parte da ferramenta fica no congelador ou freezer, antes de ela ser usada. Para proteger as mãos da baixa temperatura, a peça que está congelada é acoplada numa capa semelhante à chapinha tradicional.
Essa ferramenta é pensada para ser um aliado da hidratação frequente em casa. Por isso, o público-alvo é qualquer pessoa que queira ter cabelos saudáveis. No caso de mulheres com cabelo ondulado ou cacheado, a chapinha gelada serve também para modelar os fios. Não do mesmo jeito que a chapinha tradicional faz. Mas como uma consequência de fios profundamente hidratados.

Outros produtos para apostar numa hidratação profunda: Shampoo Nexxus Emergencée Condicionador Nexxus Emergencée, que ajudam a recuperar cabelos danificados. E Serum-in-oil Dove Advanced Hair Series Regenerate Nutrition, que é um axílio para tratar profundamente o cabelo.

Salvar

Salvar

Salvar