Tem dúvidas sobre cabelo e anticoncepcional? A gente te ajuda!

Se você têm dúvidas sobre se o anticoncepcional faz o cabelo cair, a gente conversou com um profissional para esclarecer não só isso, mas outras questões relacionadas a como a pílula influencia na saúde dos fios.

Cabelo e anticoncepcional têm uma relação que provoca dúvidas em várias mulheres. Afinal de contas, é compreensível acreditar-se que um medicamento que regula as taxas hormonais do organismo da mulher possa interferir em áreas como o crescimento e queda dos fios ou até mesmo na aparência do cabelo.

A gente já adianta que parte disso pode até ser verdade, mas para esclarecer as dúvidas mais comuns, conversamos com um profissional que explica o que é verdade ou não quando o assunto é cabelo e anticoncepcional.

Cabelo e anticoncepcional formam uma dupla que se influencia, sim. Isso ocorre, muitas vezes, porque o medicamento age no organismo modificando as taxas hormonais, que são diretamente ligadas aos fios de cabelo.

A pílula serve para regular os hormônios e o sistema reprodutor. Por isso, muitas vezes mulheres que têm o cabelo oleoso, por exemplo, sentem que essa característica diminui. A gente explica melhor.

Anticoncepcional é bom para o cabelo?

Muitas vezes, pode ser sim. Entre os benefícios do anticoncepcional, por exemplo, está a diminuição do excesso de oleosidade na raiz, que acaba sendo positivo para quem tem esse problema.

Alguns anticoncepcionais possuem substâncias que têm ação antiandrogênica, ou seja, que consegue controlar a produção do hormônio masculino que toda mulher produz. Isso acaba diminuindo o estímulo das glândulas sebáceas, fazendo com que controle a oleosidade do couro cabelo e consequentemente do pelo”, explica o dermatologista Daniel Dziabas.

Os cabelos masculinos tendem a ser mais oleosos do que os das mulheres, em função dos hormônios. E, por isso, a ação antiandrogênica ajuda a diminuir esse efeito.

No caso de uma mulher de fios e pele muito oleosos, a reação pode ser boa. “Se a paciente tem aumento da oleosidade, dermatite seborreica ou alopecia androgenética e precisa do efeito androgênico, aí pode ser benéfico”, diz o especialista.

Já para quem tem cabelo seco, o resultado faz com que seja necessário caprichar um pouco mais na hidratação. Mas não chega a ser um malefício.

Mulher usa camiseta preta e cabelo solto, ilustra matéria sobre cabelo e anticoncepcional
Cabelo e anticoncepcional: medicamento pode tornar os fios menos oleosos. | Foto: www.indigitalimages.com

Anticoncepcional muda o cabelo?

Estruturalmente, o fio não muda. O anticoncepcional não afina o cabelo e nem engrossa, não é capaz de mudar o seu formato. Como a gente disse, o que acontece é que a pílula pode controlar a oleosidade, mas os fios mantêm a forma original.

Portanto, se você toma anticoncepcional e percebeu alguma mudança nos seus fios, que não seja relacionada ao ressecamento ou diminuição da oleosidade, provavelmente a alteração não está ligada ao uso do medicamento.

O que suas propriedades podem acarretar nos fios é algo a ser avaliado em conjunto com o dermatologista. Médicos com diferentes especialidades podem ajudá-la a ter os resultados que deseja para seus cabelos, sem colocar em risco sua saúde. 

Próximo

Anticoncepcional causa queda de cabelo?

Sim. Em alguns casos, o anticoncepcional pode causar a queda de cabelo. A introdução ou a interrupção do uso de anticoncepcionais podem provocar alteração e queda capilar por períodos curtos”, explica o médico.

“Por isso a mudança, interrupção ou mudança da marca dos anticoncepcionais deve sempre orientada pelo ginecologista”, alerta.

Tomar anticoncepcional faz o cabelo crescer?

Tomar anticoncepcional não fará o cabelo crescer mais rápido, nem estimular crescimento algum. O dermatologista é categórico ao esclarecer isso: “Não há fundamento nenhum nisso. É um desperdício de anticoncepcional”.

Vale lembrar que os fios saudáveis crescem entre 1 cm e 1,5 cm por mês. Caso sinta que o seu comprimento não tem avançado nesse ritmo, procure um médico que possa avaliar possíveis causas e propor soluções. Mas não misture shampoo e anticoncepcional em busca de crescimento, não vai causar efeito nenhum.

Outra dica para quem quer estimular o crescimento dos fios é investir em produtos que sejam feitos para isso. A linha TRESemmé Crescimento Máximo, que tem shampoo, condicionador e super condicionador, tem cafeína e óleo de rícino, que ajudam a fortalecer os fios.

 

Pode colocar anticoncepcional no shampoo?

Pode, mas a pílula combinada com o cosmético não vai surtir efeito nenhum. O mesmo serve para misturar anticoncepcional com condicionador ou creme de tratamento. Essa é outra notícia que se difunde, principalmente na internet, alegando que a combinação faria o cabelo crescer, mas é mito que anticoncepcional no shampoo ajuda no crescimento.

Caso você queira que seu cabelo cresça, a dica é, obviamente, parar de cortar os fios, investir em uma alimentação saudável e, como já indicamos, usar produtos que estimulem o crescimento.

Se você acha que seu cabelo não está crescendo como deveria ou está caindo excessivamente, não invista em nenhum tipo de receita caseira sem eficácia. Consulte um dermatologista e procure produtos tratamentos específicos para isso.

Vitamina para cabelo corta o efeito do anticoncepcional?

Não. Se você tem o hábito de consumir vitaminas para o cabelo ou outros fins, pode continuar a tomar, sem problemas. Isso não interfere na eficácia do seu anticoncepcional.

Outros medicamentos, como alguns tipos de antibióticos, podem interferir no desempenho da pílula. Por isso, antes de tomar qualquer remédio, consulte o seu ginecologista para entender melhor como proceder nesses momentos.

Sugestão de produtos

Você já entendeu que o anticoncepcional não faz o cabelo crescer, mas pode controlar a oleosidade dos fios. Mas, é possível conseguir o mesmo efeito sem precisar tomar o medicamento, usando os produtos certos.

Para começar, a gente sugere o shampoo e condicionador Love Beauty and Planet Energizing Detox, que limpa o couro cabeludo sem ressecar os fios. Os produtos têm óleo de melaleuca na fórmula, que dá aquela sensação refrescante e ajuda na redução da oleosidade.

Ainda para quem quer controlar a oleosidade na raiz, outra dica é a linha TRESemmé Detox Capilar, que tem shampoo, condicionador e máscara de tratamento. Porque cabelo oleoso também precisa de hidratação, sabia?

E, no dia a dia, a nossa dia é carregar sempre um shampoo a seco na bolsa. Assim, você consegue remover o excesso de oleosidade dos cabelos onde quer que esteja. A gente te dá duas opções: Shampoo a Seco TRESemmé Day 2 Original e Shampoo a Seco Dove Care On Day 2.

Inspire-se

Inscreva-se na nossa newsletter e receba dicas exclusivas para cabelos incríveis