Gabriela Fadel: “Gosto de expressar o que penso e sempre influenciar positivamente”

Em uma entrevista exclusiva, a youtuber fala sobre trabalho, cabelo e mais. Confira!

Gabriela Fadel descobriu de um jeito inusitado que a internet iria mudar a sua vida, ainda em 2010, quando começou seu canal do Youtube. Cheia de carisma, atitude e estilo, ela conquistou uma legião de seguidores (chamados por ela, carinhosamente, de unicórnios), passou a ser reconhecida na rua e viajou o mundo. Ela tem muito a dizer sobre sua trajetória e, claro, sobre os belos cabelos coloridos.

ATH entrevista Gabriela Fadel

modelo de Gabriela Fadel
Foto: Reprodução/Instagram (@gabbiefadel)

All Things Hair: Você já disse que começou a postar conteúdo nas redes sociais por diversão. Como foi esse processo de nascimento do seu canal? Quando você percebeu que esse passatempo viraria profissão?

Gabriela Fadel: Em um determinado momento tive que fazer uma escolha, sabe? Não dava mais para manter o canal de qualquer jeito, postando quando bem entendia. Ou me dedicava totalmente a ele ou era melhor deixar para lá. Na época, várias pessoas já ganhavam bastante dinheiro com Youtube, sabia que era possível. Foi quando realmente passei a me dedicar só ao Youtube e até larguei a faculdade.

ATH: Quais os maiores desafios do seu trabalho? E as maiores recompensas?

Gabriela Fadel: Sei que pode soar meio “mimimi”, mas acho que a pior parte é ser reconhecida na rua. Sou eternamente grata a todos os meus seguidores e tenho um carinho enorme por eles, mas é que isso acaba tirando a liberdade. Se você sair tosca, de cabelo oleoso e blusa furada, vai ter sempre alguém para tirar uma foto e imortalizar aquele momento trágico da sua vida! (risos) Também não dá para sair na balada e fazer a louca. Quero dizer, dar, dá, né? Só que você vai ter que lidar com as pessoas comentando e tirando foto. Também não é todo mundo que sabe respeitar e, às vezes, algumas pessoas são desrespeitosas. Mas a minha vida é incrível e não a trocaria por nada. De vez em quando rola umas coisas que são o que chamo de “simulador de riqueza”, quando marcas te levam para lugares ou para fazer coisas que a minha conta bancária jamais permitiria. O carinho dos fãs é incrível também, fico muito feliz de verdade quando leio algum comentário ou e-mail de alguém dizendo que ajudei de alguma forma. Dá uma sensação de dever comprido, sabe?

modelo de Gabriela Fadel
Foto: Reprodução/Instagram (@gabbiefadel)

ATH: Você aborda assuntos diversos no seu canal, de comportamento a atualidades e até experiências pessoais. Como você define os temas dos seus vídeos? Você escolhe tudo sozinha?

Gabriela Fadel: Falo do que gosto, basicamente. Se está na minha cabeça e acho que seria interessante, coloco para fora. Às vezes, nem precisa ser muito interessante também, acho que não tenho muito filtro.

ATH: Falando sobre seu cabelo: de onde tira inspiração para o visual colorido que faz tanto sucesso das redes?

Gabriela Fadel: Gosto de azul, acho tão bonito!

modelo de Gabriela Fadel
Foto: Reprodução/Instagram (@gabbiefadel)

ATH: E para manter o cabelo colorido sempre bonito, qual é a sua rotina de cuidados capilares?

Gabriela Fadel: Quando tinha o cabelo platinado a rotina era bem mais intensa, Deus me livre, nunca mais. O cabelo azul é muito prático: retoco uma vez por mês, mais ou menos, em casa, o que dura 10 minutinhos. Uso sempre um bom shampoo e troco o condicionador por uma máscara de hidratação e só. A tinta azul ajuda a selar a cutícula do cabelo e hidrata, o que dá um aspecto mais saudável.

ATH: Além da cor azul, tem vontade de experimentar outros tons no cabelo?

Gabriela Fadel: Tenho vontade de ser ruiva, mas tenho preguiça dessa coisa de ficar retocando raiz. Então, acho que só quando ficar mais velha e começar a ter fios brancos. Tenho vontade de adicionar algumas cores ao azul, mas confesso que só não fiz ainda, porque sei que vai ser mais difícil retocar. Provavelmente vou ter que ir no salão e, como você pode perceber, tenho bastante preguiça.

modelo de Gabriela Fadel
Foto: Reprodução/Instagram (@gabbiefadel)

ATH: Você atualmente está com um cabelão, mas já teve um corte chanel e franja. Você pensa em arriscar algum novo corte?

Gabriela Fadel: Nunca quis ter cabelo chanel, fui obrigada a cortar porque tive o pior corte químico da história, até a minha franja caiu. Foi o apocalipse! Nunca inventem de ficar completamente platinadas se vocês já possuem mechas brancas no cabelo, fica a dica. Foi por causa disso que pintei o cabelo de azul: ele estava muito estragado e queria pintar ele de volta da cor natural de tão arrependida. Então, fiz uma última loucura e pintei de azul para depois pintar de volta da cor natural. O que acontece é que gostei do azul e fui deixando. Mas a franja vai voltar, tive franja por 10 anos, essa coisa de não ter franja é novidade para mim.

ATH: Você sempre posta vlogs das viagens incríveis que faz. Qual foi sua preferida e qual ainda tem vontade de realizar?

Gabriela Fadel: Gostei muito do Japão, porque foi muito diferente, mas a minha favorita de verdade foi para a Califórnia em 2014. Hoje tenho vontade de ir para lugares mais exóticos. Marrocos, Egito, Tailândia e Turquia estão no topo da lista.

modelo de Gabriela Fadel
Foto: Reprodução/Instagram (@gabbiefadel)

ATH: Nessas ocasiões, como lida com o cabelo? O que não pode faltar na sua nécessaire?

Gabriela Fadel: Creme de hidratação. Posso viver sem secador, sem chapinha, sem modelador de cachos (não vou gostar, mas não vai ser o fim do mundo), mas se não tiver um creme de hidratação realmente bom comigo, surto. Vida de cabelo descolorido é assim, né? Também sempre carrego comigo shampoo seco, porque meu cabelo é bem oleoso, mas não posso lavar todo dia porque se não o azul não dura, então shampoo seco nele! E elásticos e grampos para fazer aquele coque se não tiver jeito.

ATH: Como você se sente sabendo que influencia tantas outras pessoas com seus vídeos?

Gabriela Fadel:  Gosto, sinceramente. Gosto muito de expressar o que penso e tento ao máximo sempre influenciar todo mundo positivamente. Claro, não é todo dia que a gente acerta, né? Todo mundo erra. Mas acho que até errando é legal, porque aí você diz “ei, errei, desculpa, acontece” e mostra para as pessoas que é normal: eu erro, elas erram, todo mundo erra. Não adianta ficar apontando dedos, o legal é aprender com os erros.

Sugestão de produtos

Para os fios coloridos, sugerimos o Shampoo Dove Advanced Hair Series Regenerate Nutrition. Pensado especialmente para os cabelos quimicamente tratados, o produto ajuda a limpar, a eliminar resíduos que prejudicam a saúde dos fios e a recuperar a vitalidade dos cabelos, sem agredi-los.

Para conseguir um resultado ainda melhor, combine o shampoo com o Condicionador Dove Advanced Hair Series Regenerate Nutrition. O produto auxilia na hidratação intensa, na nutrição e na reconstrução da fibra capilar.

É interessante tratar os cabelos com uma máscara pelo menos uma vez por semana. Indicamos o Creme De Tratamento TRESemmé Blindagem Platinum, que colabora na reparação dos cabelos quimicamente danificados e na proteção extra dos fios.