Cabelo crespo masculino com química: tudo sobre os tratamentos

Aline Bibiano
Cabelo crespo masculino cacheado com franja

Para quem quer fios com textura impecável e saudáveis.

Os processos de mudança de textura dos cachos feitos no cabelo crespo masculino com química podem causar danos excessivos aos fios, apesar de os deixarem lindos. Por isso é importantíssimo que os cuidados sejam frequentes e intensos. Assim é possível garantir um crespo quimicamente tratado saudável e vistoso.

Mas você sabe como cuidar do seu cabelo crespo com química? Para que seus fios fiquem saudáveis, a gente te conta como escolher o procedimento certo para os seus cabelos e como cuidar deles.

Cabelo crespo masculino com química: os tratamentos

Alguns tratamentos reduzem o frizz, o volume e devolvem o movimento natural do cabelo. Outros são mais agressivos e chegam a alisar os fios. O passo mais importante para obter o resultado desejado é procurar um bom profissional e informar o que deseja com a química. Assim o cabelereiro poderá indicar o melhor tratamento.

Os mais usados são hidróxido de cálcio, hidróxido de sódio, hidróxido de guanidina e tioglicolato de amônia, mas a maioria desses produtos são incompatíveis entre si. Portanto, se você já tem química nos cabelos e quer partir para outro tipo de alisamento, relaxamento ou permanente afro, a base do produto precisa ser a mesma.

É possível fazer em casa?

A forma de aplicação é um dos passos mais importantes. Existem nas prateleiras dos supermercados e farmácias diversos tipos de tratamentos químicos para serem usados em casa. Mas se for aplicado de maneira errada o resultado não pode ser o que se esperava. Por isso, o mais importante é buscar um profissional.

Seja em casa ou no salão, antes de fazer qualquer procedimento é fundamental fazer o teste da mecha e sensibilidade. Eles indicaram se você tem algum tipo de alergia a aquele produto e como ficará o cabelo crespo masculino com química.

Cabelo crespo masculino cacheado com rapo de cavalo
Foto: www.indigitalimages.com

Qual química é a mais recomendada?

De acordo com o cabeleireiro Gilson Ribeiro, do salão Oasys Hair, a texturização é ideal para cabelos masculinos. “Esse processo é realizado através dos hidróxidos, tanto de sódio ou cálcio (guanidina), e são utilizados para deixar a forma do cabelo mais definida. Alguns clientes preferem um efeito mais suave, que mantém a estrutura original do fio, já outros preferem fazer uma mudança retirando um pouco da curvatura e criando uma forma mais fácil para concluir o design. E ainda temos aqueles que preferem alisar para ter um cabelo prático”, afirma o hairstylist.

É importante salientar que, independentemente do que for escolhido, são processos irreversíveis. Para que o cabelo crespo masculino com química volte a sua forma natural é preciso esperar crescer e cortar.

Cuidados em casa

Outro ponto importante é receber orientação para cuidar do cabelo crespo masculino com química em casa, quais produtos utilizar e o passo a passo da rotina diária. Se quer ter um cabelo bonito e saudável, precisa de muita disciplina. Além disso é importante que homens atentem-se aos rótulos dos produtos para cabelo masculino.

“É preciso ter cuidados redobrados, pois a grande maioria dos finalizadores masculinos contém álcool e são usados diariamente pelos homens. É imprescindível um shampoo altamente hidratante, um condicionador de ph balanceado, pomada e uma hidratação profunda semanal para manter o cabelo processado saudável”, finaliza o profissional.

Sugestão de produtos

Para que os fios fiquem bonitos e saudáveis, é preciso escolher produtos de qualidade e tudo começa na lavagem. Sugerimos o Dove Men+Care Shampoo 2 em 1 Força Resistente, que ajuda a fortalecer os fios. Outra opção também é o Shampoo Clear Men Queda Control, que colabora no fortalecimento e na ativação da camada de proteção do couro cabeludo.

Para hidratar e estilizar, experimente o Creme Para Pentear Seda Boom Definição, que auxilia na hidratação, além de ter filtro UV e ajudar a deixar os cachos mais definidos.