Trança de 4 pontas: originalidade para penteado básico

Amanda Miquelino | 09 julho 2016

Acha que trança é um penteado batido e que não pode ser reinventado? Que nada! Aprenda como fazer a trança de 4 pontas e desfile por aí. 

Quando pensamos em fazer algum penteado, logo lembramos das opções mais populares e fáceis de fazer, como a trança, o coque, o rabo de cavalo… Eles parecem ser a solução mais rápida na hora de escolher algum penteado. E podem até ser mesmo porque são lindas e práticas. Mas porque não reinventar a forma original delas? Por isso, vale a pena apostar em uma nova versão de um desses clássicos: a trança de 4 pontas.

Embora pareça difícil, esse penteado é possível de se fazer sozinha porque requer poucos acessórios e produtos. Um elástico e um texturizador são os itens essenciais para execução da trança. Se não conseguir, você pode levar as instruções para um cabeleireiro ou alguém ajudar antes da festa que pretende ir.

Trança de 4 pontas: um clássico reinventado

 

modelo de trança de 4 pontas
Trança de 4 pontas: Nos longos e médios, o efeito pode ser mais impactante.

Não tem restrição para nenhum tipo de textura (dá para fazer em cabelos cacheados, crespos, lisos, ondulados…). Já o comprimento do cabelo pode ser um fator determinante na hora de fazer esse penteado. Nos longos e médios, o efeito pode ser mais impactante – já nos mais curtinhos, o efeito pode desaparecer um pouco e o nível da dificuldade em trançar as mechas pode ser maior, mas não custa tentar e ver como fica.

Esse penteado pode ser usado em qualquer ocasião, desde um dia no trabalho, um happy hour e até uma festa ou um evento mais formal. Ele também é mais fácil que algumas opções de tranças mais elaboradas, como a trança cascata, a trança falsa e a trança coroa.

Como fazer a trança de 4 pontas

modelo de trança de 4 pontas de lado
Trança de 4 pontas: Dá para fazer em cabelos cacheados, crespos, lisos, ondulados…

Antes de começar o penteado, o cabelo deve estar limpo (dê preferência ao shampoo e ao condicionador específicos para a necessidade do seu fio). Desembarace bem os fios e depois seque-os como achar melhor – pode ser com um secador e uma escova, por exemplo. Não se esqueça de usar um protetor térmico se for secar com o secador, para proteger os fios da alta temperatura do aparelho. Depois de passar por essas etapas, o próximo passo é aplicar um produto que dê mais textura nos fios, um spray texturizador por exemplo.

Sugestão de produtos: Shampoo Nexxus Emergenceé e Condicionador Lavanda E Bambu, para usar durante o banho no cabelo molhado. Spray Texturizador TRESemmé Expert Perfeitamente (Des)arrumado, para dar textura aos fios.

Vamos lá? É hora de começar a execução da trança de 4 pontas. Comece dividindo o cabelo em quatro mechas. Segure três mechas nos dedos da mão esquerda e uma mecha com a mão direita, com as palmas viradas para você. Comece trançando normal com as três mechas e por último a quarta mecha (com a mecha do canto, passe por cima da primeira, por debaixo da segunda e por cima da terceira). Faça esse processo até o final da ponta.

Depois de repetir esse processo até o final do cabelo, prenda a ponta com um elástico. Você vai perceber que a trança com 4 pontas fica com mais volume do que a trança convencional, mas o resultado final é de um penteado mais elaborado e impactante.

Temos outros tipos de penteados com tranças. Confira!

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.