Passo a passo: trança espinha de peixe básica

All Things Hair | 21 junho 2016

Aprenda, em poucos passos, a trança espinha de peixe básica: o penteado que vai ser um curinga em sua rotina de beleza. 

Saber fazer uma trança espinha de peixe básica é um trunfo que faz diferença, porque é um look com o visual marcante e feminino. Este tutorial explica o tipo mais básico para você aprender a fazê-la. Mas existem outros, como a trança espinha de peixe invertida e vale a pena conhecê-los também!

Como a maior parte dos penteados, o resultado da trança espinha de peixe costuma ficar melhor (e ser conquistado mais facilmente) com a prática.

Passo a passo da trança espinha de peixe básica

1

Inicie com o cabelo limpo e seco

Todo penteado começa com o cabelo limpo e seco. Sendo assim, para chegar a uma trança espinha de peixe bem bonita, preste atenção nos detalhes desde o banho. Lave o cabelo com shampoo e condicionador para seu tipo de cabelo e, preferencialmente, de uma mesma linha (são feitos para agir melhor em conjunto).  Tire todo restinho de produto durante o enxágue. E, antes de terminar o banho, jogue um jato de água fria, que ajuda a fechar as escamas do fio e a dar mais brilho. Se secar com secador de cabelo, passe um produto que o proteja das altas temperaturas. Após fazer essa preparação, você está pronta para começar.

2

Um rabo de cavalo baixo

Depois de se certificar de que os fios estão bem desembaraçados, faça um rabo de cavalo baixo.

3

Separe duas mechas

A trança começa no início do rabo de cavalo. Separe duas mechas de mesma quantidade de cabelo. Ao contrário da trança tradicional, feita a partir de três partes iguais, a escama de peixe é feita tendo duas mechas como base. Delas, sai, a cada vez, uma mecha fina e diferente que passa para o outro lado.

 

4

Atenção para não se perder

Há a mecha da esquerda e a da direita. Certo? Do lado mais à direita da mecha da esquerda, pegue uma mecha pequena e passe por baixo, juntando-a à mecha da esquerda. Logo depois, do lado mais à esquerda da mecha da esquerda, pegue uma pequena mecha e passe para o lado da direita. O processo se repete por todo o cabelo, até chegar à pontinha. Sempre separe a mecha que vai para o outro lado, tirando-a da parte de fora da mecha da direita e da esquerda.

5

Bem apertadinha até o fim

Ao trançar o cabelo, cuide para que a trança fique apertadinha, do começo ao fim. Isso vai dar um efeito bonito, na hora de afrouxar os fios (passo a seguir). Também tente chegar bem até o fim da pontinha do cabelo. Os detalhes é que fazem a diferença e fazem o  penteado ter jeito de que foi feito no salão de beleza.

6

Hora de afrouxar

Com as duas mãos, afrouxe a trança, começando de baixo para cima. Isso dará um efeito volumoso ao penteado, como se você tivesse mais cabelo. Não fique com medo de estragar o penteado ao puxar as mechas já presas. Ele ficará mais bonito afrouxado! Mas, se você preferir a trança mais estreita, fique à vontade para usá-la desse jeito também.

7

Fixador para o penteado durar mais

Com a trança pronta e o resultado lindo, você vai querer fazer o penteado durar, certo? Então, borrife um spray de fixação leve para sua trança escama de peixe continuar inteira o dia (ou a noite) toda.

Sugestões de produtos

Após lavar e condicionar os cabelos, você precisa preparar os fios para realizar a trança espinha de peixe básica. Experimente usar o Seda Creme Para Pentear Ceramidas. Além de hidratar, ele ajuda a desembaraçar, fortalecer e modelar o seu cabelo. Para encorpar os fios e facilitar a modelagem da trança, opte pelo TRESemmé Spray Texturizador Expert Perfeitamente (des)Arrumado. Se após a trança espinha de peixe básica ficar pronta, você avistar fios rebeldes sabotando o penteado, use o Dove Óleo Pure Care Dry Oil.

 

 

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.