Balayage no cabelo preto: dá para fazer?

All Things Hair | 20 novembro 2016

Realizar o  sonho de ter um cabelo mais claro tem seus prós e contras. Veja se vale a pena para você.

 

Cabelos pretos monocromáticos são lindos. Mas isso não impede que muitas mulheres com esse tom de cabelo desejem mudar o visual, clareando os fios. Aliás, isso é bem comum. Sabendo que há muitas dúvidas sobre balayage no cabelo preto, resolvemos montar um guia para você se informar e decidir se o procedimento vale ou não a pena para você.

Fazer balayage no cabelo preto é possível, sim. Porém, não para todos as mulheres. É importante contar com a ajuda de um profissional para avaliar o seu caso e conduzir seu clareamento. Além disso, é importante saber que descolorir o cabelo é sempre algo danoso para o cabelo. Aprofundamos essas e outras informações abaixo. Vale a leitura.

Balayage no cabelo preto: vale fazer?

Para começar

Antes de mais nada (e até mesmo de procurar um bom profissional) você precisa responder a si mesma se está disposta a cuidar do cabelo descolorido como é necessário. Quem tem fios pretos naturais costuma estar habituada a uma rotina de beleza descomplicada. Porém, ao optar por um processo químico, torna-se obrigatório se desdobrar em cuidados. Eles podem incluir, além da hidratação diária, idas ao salão para tratamentos reconstrutores. Com isso,  gasta-se tempo e dinheiro.

Se não estiver disposta a cuidar, pode ser o caso de desistir, antes mesmo de fazer balayage no cabelo preto. Caso contrário, do que adianta ter a cor desejada, se os fios ficarem danificados?

Colorista de confinça

Não tente fazer isso em casa. Sério. Balayage no cabelo preto exige atenção durante todo o processo. Desde a porcentagem da mistura de pó descolorante e água oxigenada adequada para o tom que você deseja alcançar, até uma consultoria sobre os tons de loiro mais harmônicos para sua pele, é o profissional quem está apto para ajudá-la

Ele vai avaliar os seus fios e descobrir o melhor caminho para fazer a balayage no cabelo preto. Quem tem cabelos virgens leva vantagem, porque o processo é mais fácil. É preciso descolorir e, se for o caso, pintar de diferentes tons de loiro.

Fios com química

Já em cabelos alisados, com permanente ou que passaram por algum outro processo químico desse tipo nem sempre podem receber a mistura que dá origem à balayage. Cada caso precisa ser avaliado, para ver se haverá risco de corte químico — reação adversa que ocorre quando duas substâncias químicas incompatíveis entram em contato. Os fios podem se tornar elásticos ou se partirem.

Se o cabelo for colorido de preto, é preciso retirar os pigmentos artificiais. Isso é feito por meio da decapagem. Cabelos muito finos costumam sofrer mais nesse processo. Para eles, o colorista pode desaconselhar o processo. Ou também pode indicar tratamentos reconstrutores preventivos. É importante seguir à risca as indicações para preservar a saúde dos fios.,

Tons de loiro

A balayage no cabelo preto nem sempre alcançará, na primeira sessão, tons de loiro claríssimo. Se for seu objetivo, sempre com o acompanhamento do colorista, vale insistir. O modo mais saudável de clarear fios tão escuros pode ser ao longo de meses, com sessões de hidratação, nutrição e reconstrução ao longo do período. 

Sugestão de produto

Shampoo Nexxus Emergencée Condicionador  Nexxus Emergencée são um auxílio para o cabelo descolorido (que precisa de cuidados redobrados!). E Dove Serum Reconstrução Pontas Duplas, que ajuda a fechar as pontas abertas.

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.