5 maneiras incríveis de usar trança afro

Amanda Miquelino | 12 julho 2016

Trança afro: solta, presa em coque, como tiara… 5 penteados para quem usa trança afro. Valorize o look!

A trança é a solução oficial para aqueles dias em que você não consegue mesmo dar um jeito no seu cabelo. No entanto, elas estão são bem mais que a última opção para fazer penteados estilosos, principalmente para quem tem cabelos afro. Muitas mulheres vivem usando e abusando desse estilo nas mais diversas ocasiões. E o melhor é que oferece versatilidade, já que pode ser usada de várias maneiras. Só depende da sua criatividade! Para ajudar na inspiração, selecionamos cinco penteados com trança afro para você arrasar.

A trança afro

Antes de começar a falar dos penteados, precisamos falar dela. Há diversos profissionais especializados em criar as tranças afro. Em geral, elas são feitas a partir da raiz, em mechas finas e bem apertadas. No entanto, com um pouco de paciência, é possível trançar os fios em casa, com a ajuda de uma amiga. Para isso, é preciso lavar e hidratar bem os fios e enxaguar bem, para que não fique nenhum resíduo de creme. Depois de desembaraçar, com a ajuda de um pente fino, divida o cabelo da maneira desejada e vá separando mechas finas, a partir da parte mais próxima à testa e puxe as para trás, em direção à nuca.

Pegue uma mecha, separe em três partes menores ainda e comece a trançar. Conforme for avançando para trás da cabeça, vá incorporando finas mechas do cabelo que está solto, acompanhando a linha da divisão da mecha feita com o pente fino. Repita a operação em todo o cabelo. Há quem use apliques para deixar os fios mais longos ou ainda quem enrole, junto dos fios, alguns fios de lã, que estruturam as tranças, facilitando o acabamento.

Livres, leves e soltas

O penteado mais básico é o que deixa as tranças afro soltas. Bem feitas, por si só, elas já dão um visual cheio de estilo a qualquer pessoa. Como elas dão peso ao fio, dependendo do comprimento, ele cai sobre os ombros com balanço e não exigem qualquer outro esforço para se manterem no lugar. Se você se cansar, pode juntá-las e prendê-las em um rabo de cavalo.

Coque afro

Se você não tiver os cabelos trançados a partir da raiz, pode apostar em um coque afro. Funciona assim: depois de lavar e de desembaraçar os cabelos, junte-os no topo da cabeça, como se fosse fazer um rabo de cavalo. Puxe bem os fios da raiz e prenda com um elástico de maneira bem firme. Se necessário, use grampos para reforçar. Você pode usar gel ou pomada para evitar o frio e deixar o cabelo bem certinho.

Em seguida, você tem algumas opções para fazer com o rabo de cavalo: uma trança única e bem apertada, que pode ser torcida em torno do elástico e presa com grampos no tom do seu cabelo para não ficarem aparentes; ou então, dividir essa quantidade de cabelo em três ou quatro partes, trançar cada uma delas separadamente e depois torce-las em torno do rabo, no topo da cabeça, formando um coque mais elaborado. Prenda as pontas com grampos que passem por dentro do coque, para escondê-los.

Tiara trançada

É uma maneira de variar o look. Com um pente fino, faça uma divisão, deixando apenas a parte frontal — a que contorna a parte superior do rosto, com uns três dedos para trás da testa. Para facilitar, prenda o restante do cabelo para trás como uma presilha. É hora de trançar a parte do cabelo que ficou solta para frente. Comece por uma das extremidades, próxima a orelha. Pegue uma mecha, puxe-a para cima e divida-a em três partes finas iguais. Vá trançando pelo contorno do rosto, em direção à outra orelha.

Conforme for passando pelo restante da parte do cabelo que ficou solta, vá incorporando um pouco dos fios, como numa trança de raiz. Quando chegar na outra orelha, todo o cabelo solto na parte frontal da cabeça deve ter sido incorporada. Com a ajuda de grampos, prenda a ponta por trás dos fios, para esconder os acessórios. Solte o resto do cabelo e arrume com um ativador de cachos, moldando o volume da forma que preferir.

Geométrico

Para quem gosta de trançar o cabelo todo. O processo é o mesmo de fazer as tranças afro simples, mas, em vez de fazer a divisão tradicional, ao meio ou de lado, trace retas diagonais, retas, círculos… Vai de acordo com a sua preferência. A ideia é trançar os fios de modo que a raiz aparente componha desenhos geométricos. A complexidade depende do seu estilo. O mais indicado é fazer as trancinhas com a ajuda de um profissional ou de uma amiga bem paciente. Pode ser divertido!

Meio a meio

Um dos preferidos das celebridades com cabelo afro, o penteado fica perfeito em cabelos bem crespos e volumosos. Na verdade, nessa versão, a parte mais próxima da raiz é trançada bem rente ao couro cabeludo, mas só até uma parte. As pontas dos cabelos devem ficar soltas e o volume pode ser trabalhado com um ativador de cachos, finalizador e um pente garfo, para jogar o volume todo para cima, em um penteado black.

Dicas de produtos

Tente fazer uma limpeza profunda no couro cabeludo porque as tranças podem deixar seus cabelos oleosos. Nossa dica é o Shampoo Clear Limpa & Purifica, ele é anticaspa, limpa seus cabelos profundamente e proporciona no couro cabeludo uma gostosa sensação refrescante. Quando desfazer as tranças, seu cabelo vai precisar de uma hidratação potente, nossa dica é o Creme De Tratamento TRESemmé Selagem Capilar Crespo Original, que contém propriedades que ajudam no fortalecimento dos fios. Se sentir que os fios estão caindo, procure por produtos que combatam a queda capilar, como o Creme de Pentear Dove Controle de Queda que reduz a quebra dos fios e previne a queda ao pentear.

(Artigo publicado originalmente em MeuCrespo.com.br)

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.