Como saber se meu cabelo é saudável?

“Como saber se meu cabelo é saudável?”. Se essa questão não sai da sua cabeça, confira as dicas e descubra de uma vez por todas!

Você sabe que existe uma infinidade de produtos e tratamentos para manter os cabelos bonitos e a saúde dos fios em dia. Mas, se a sua principal dúvida é: “como saber se o meu cabelo é saudável?”, veja essas dicas e aprenda quando e como usar os produtos mais adequados e realizar os tratamentos certos.

Como saber se meu cabelo é saudável

Quando os fios estão saudáveis, não é necessário investir em muitas técnicas, nem em grande variedade de produtos para mantê-los bonitos. Eles já são naturalmente mais brilhantes, sedosos e macios. Por isso, é fundamental adotar uma rotina de cuidados com os cabelos, seguindo dicas básicas, mas fundamentais, como:

  • Não durma com o cabelo molhado ou úmido, nem prenda-o quando não estiverem completamente secos, evitando a quebra da fibra em um momento em que ela está mais vulnerável.
  • Prefira tecidos mais macios, como as toalhas de algodão não-felpudas ou de microfibra para a secagem dos fios e fronhas de seda ou cetim, que diminuem o atrito durante a noite.
  • Use protetor térmico sempre antes de expor o cabelo a fontes de calor, como secador, chapinha ou modelador de cachos.
  • Use produtos que contenham proteção solar, principalmente quando for à praia ou piscina.
  • Respeite o tempo de pausa entre uma química e outra. Não adianta fazer vários procedimentos em um curto espaço de tempo, sobrepondo químicas e aumentando – e muito! – os danos causados.
  • Cuidado com misturas químicas. Essa é uma das principais causas de problemas mais graves nos fios, como corte químico e queda. Para evitar que isso aconteça, sempre fale ao profissional que for fazer um processo químico tudo o que fez anteriormente e faça um teste de mechas.
  • Opte por usar cosméticos indicados para o seu tipo de problema, já que eles possuem os ativos que seus fios precisam.

Como identificar os cabelos danificados

O primeiro sinal de que seus fios não estão saudáveis é quando eles começam a ficar opacos, quebradiços e sem vida. Diferente do quando estão saudáveis, que são macios, sedosos e brilhantes.

Outro ponto importante é verificar a elasticidade. Segure um fio nas mãos e estique-o. Se ele tiver um “efeito chiclete” ou parecer muito elástico, é um mau sinal. Se ao puxar o fio ele fica franzido e não volta ao normal com facilidade, é sinal de que a fibra capilar perdeu toda a elasticidade e a umidade natural, tornando-se emborrachada e fraca.

No mesmo teste que você avalia a elasticidade, pode identificar também e ele está quebradiço. Ou seja, caso ele se rompa facilmente é sinal de que está fragilizado e precisa de tratamento. Quando o cabelo estiver muito quebradiço, você também começará a notar o aumento do frizz, quando os fios que se quebraram ficam curtinhos, rebeldes e são difíceis de domar.

Nesses casos, os danos podem ser mais sérios e os tratamentos devem incluir reconstruções com máscaras que contenham proteínas e aminoácidos.

Meus fios não estão elásticos, mas parecem mais opacos. Como saber se meu cabelo é saudável?

Nesse caso, provavelmente, seus fios não precisam de reconstrução, pois não estão enfraquecidos, mas exigem hidratação. Use uma máscara específica a cada 15 dias e recupere o brilho e a maciez.

Sugestões de produtos:

Para ter cabelos saudáveis, os cuidados iniciais devem começar na hora do banho. A escolha de um bom shampoo e condicionar são essenciais e fazem toda a diferença quando o assunto é a qualidade do fio. Sugerimos o Dove Shampoo Hidratação Intensa e o Condicionador Lavanda e Bambu. Após a lavagem, é necessário redobrar os cuidados na hora de desembaraçar os cabelos para evitar o rompimento dos fios. Experimente o Seda Creme para Pentear Hidratação Antinós.