Shampoo para couro cabeludo sensível: como escolher a melhor opção segundo especialistas

Confira dicas dermatológicas de como cuidar e o que usar para aliviar sensibilidade no couro cabeludo.

Já sentiu irritação, coceira e ardência no couro cabeludo? Esses sinais podem indicar sensibilidade no couro cabeludo e que a região está precisando de receber atenção especial.

Conversamos com a dermatologista e tricologista — diretora da Sociedade Brasileira do Cabelo (RJ) — Joana Darc Diniz, e com a coordenadora do Departamento de Cabelos e Unhas da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Fabiane Brenner para explicar como escolher o shampoo ideal e cuidar do couro cabeluda sensível.

Existem diferente causas para o couro cabeludo sensível, podemos citar estresse, poluição, químicas como alisamentos e colorações e ao uso excessivo de produtos para limpeza profunda dos fios e a presença de problemas como caspa e queda de cabelo.

Há também a possibilidade desse sintoma estar ligado a problemas mais sérios, como explica a especialista Joana Darc Diniz. “A sensibilidade no couro cabeludo pode estar relacionada a infecções causadas por fungos, dermatite seborreica ou atópica”.

Como tratar a sensibilidade no couro cabeludo?

O primeiro passo é tratar a sensibilidade do couro cabeludo com um dermatologista, que vai investigar o que pode estar causando o problema, mas também é possível cuidar em casa com um bom shampoo para couro cabeludo sensível — sem sulfatos ou parabenos.

Inclusive, a sensibilidade pode vir acompanhada de outros sintomas como ressecamento, vermelhidão, descamação, ardência e irritação da região, por isso a importância de ter um acompanhamento especializado e fugir de produtos que agravem a situação.

modelo de Shampoo para couro cabeludo sensível
Foto: indigitalimages.com

Qual shampoo usar couro cabeludo sensível?

Segundo a dermatologista Joana Darc Diniz, o indicado ao ter o couro cabeludo sensível é usar shampoos com formulação suave, que higienizam a raiz sem ressecar o couro cabeludo.

Produtos específicos, com ativos calmantes e que proporcionem o alivio de problemas como caspa, coceira ou irritações causadas pela poluição também são bem-vindos para aliviar o incomodo.

Se você tem caspa, por exemplo, sente muita coceira e seu couro cabeludo está irritado, nossa sugestão é o Shampoo Anticaspa Clear Flor de Cerejeira. O produto acaba com a caspa, removendo a oleosidade excessiva que cria o ambiente propício ao seu surgimento — além de proporcionar uma sensação refrescante.

Para nutrir o couro cabeludo ao mesmo tempo em que hidrata o cabelo, o Shampoo Clear Hidratação Intensa é uma opção. Formulado com a tecnologia Bio-booster, o produto ativa a proteção natural do couro cabeludo e restaura sua saúde enquanto elimina a caspa e trata o comprimento dos fios.

Nossa terceira indicação é o shampoo superleve Clear Detox Diário. O produto remove profundamente as impurezas, proporcionando uma limpeza que desintoxica os fios e restaura a saúde do couro cabeludo.

Como usar o shampoo para couro cabeludo sensível?

A médica dermatologista Fabiane Brenner explica que ao lavar o couro cabeludo sensível, o mais importante é usar o shampoo exclusivamente na cabeça e não deixar o condicionador entrar em contato com a pele.

Esse cuidado na rotina serve para minimizar o problema, não deixando resíduos do creme, que causa coceira e irritação.

Outra dica é não esfregar as unhas no momento da lavagem, o correto é massagear suavemente o couro cabeludo e também não ficar muito tempo sem lavar a cabeça para evitar o acúmulo de sujeira e oleosidade — mas não exagere! O recomendado é lavar os fios em dias alternados.

Previna a sensibilidade e irritação no couro cabeludo

Existem formas de prevenir a sensibilidade, segundo as especialistas. A começar pela temperatura da água da hora de lavar o cabelo — dê preferência para a morna, até mesmo nos dias mais gelados. Água muito quente pode ressecar o cabelo e descamar o couro cabeludo, lembre-se!

Também é importante evitar shampoos adstringentes que levam na composição sulfato ou outros componentes como parabenos e fragrâncias não-hipoalergênicas, pois eles podem estimular a sensibilidade e irritação no couro cabeludo.

Vai tomar sol? Invista em acessórios como lenços, chapéus e bonés para proteger a cabeça. Na hora de se alimentar, evite frituras e alimentos ricos em carboidratos. Pode não parecer, mas uma má alimentação contribui para um couro cabeludo mais oleoso, o que não é bom para quem sofre com a sensibilidade da região.

E vale repetir que fazer muitos procedimentos químicos nos fios, como coloração e escovas progressivas, deixa o couro cabeludo sensível e aumenta a chance de problemas como descamações, alergias e queimaduras. A moderação é o segredo!

Artigo anterior
Artigo seguinte
Decoration image
Decoration image