Selagem capilar alisa o cabelo? Descubra a resposta

Com a ajuda de especialistas, jogamos luz em uma das dúvidas mais comuns que surgem quando o assunto é esse tratamento

São diversos os fatores responsáveis por causarem danos ao fio, como desgaste natural, repetição da ação de pentear, lavagens, exposição ao vento, ao sol, ao cloro ao sal. Isso sem falar de outros, como secadores, chapinhas, modelador de cachos, coloração e alisamento. E é justamente para amenizar todos os problemas causados por tudo isso que existe a selagem capilar. A seguir, conheça mais detalhes sobre o procedimento e descubra se ele alisa o cabelo ou não.

Foto: Reprodução | Instagram @madelineaford

A selagem capilar, como o próprio nome diz, é um tratamento de ação profunda, focado na reconstrução dos fios, que serve para selar a cutícula do cabelo, que é a camada externa do fio. Ela é formada por células em formato de escamas sobrepostas que, em situação ideal, são bem coladas umas às outras e criam uma forte barreira, que protege a parte interna e regula a entrada e a saída de vitaminas, nutrientes e umidade.

Quando os fios estão danificados, tendem a ficar com as cutículas abertas e a perder seus nutrientes – e é aí que esse tratamento entra para ajudar a fechá-las novamente e repor o que foi perdido.

Mas afinal, selagem alisa o cabelo?

Não é raro entrar em um salão e ver o cabeleireiro oferecendo a selagem como alisante. É preciso tomar cuidado para não entrar em roubadas, porque selagem capilar e escova progressiva são dois procedimentos diferentes, mas alguns profissionais vendem um pelo outro.

Tenha em mente que promover fios mais lisos não é a função da selagem, embora possa vir a ser uma das consequências. Afinal, com os fios nutridos, naturalmente, eles ficam mais alinhados. Mas se o seu principal objetivo é ter fios lisos, essa não é a melhor escolha.

O passo a passo da selagem capilar

Prepare-se para ir sem pressa ao salão, pois o tratamento costuma ser longo: dependendo do seu comprimento, costuma levar uma média de duas horas para ser finalizado. Entretanto, o tratamento costuma durar em torno de quatro meses, o que é bastante tempo.

1. Para fazer a selagem capilar é preciso, primeiro, lavar os cabelos com um shampoo de limpeza profunda. Ele vai abrir as cutículas e permitir que a máscara reconstrutora e a queratina penetrem no fio para devolver a ele a massa perdida.

2. Depois é preciso deixar o produto agir e aplicar um selante, que vai unir cada cutícula com a ajuda do calor emitido por uma prancha térmica, que deve ser passada mecha a mecha.

Há cabeleireiros que preferem não usar a chapinha nos cacheados e crespos e apenas espalhar o creme com as mãos, por meio da técnica da fitagem. Assim, os fios são divididos em mechas finas e enluvados com os dedos (ou seja, fazendo movimentos firmes e repetidos do comprimento às pontas) para garantir a distribuição e a penetração do cosmético.

Mulher com cabelos cacheados, castanhos e longos com franja cortina
Foto: Reprodução | Instagram @taniellejaimua

Em casa ou no salão de beleza?

Como já comentamos, o tratamento envolve a abertura das cutículas, a reposição de nutrientes e proteínas e o fechamento dessas células no final. Por isso, apesar de não ser química, deve ser feito por um cabeleireiro especializado.

Apenas o profissional saberá indicar o melhor tipo de produto, de acordo com o tipo e a situação do cabelo, a quantidade e o tempo de ação necessário para obter os melhores resultados.

O excesso de queratina, a temperatura excessiva no cabelo e outros erros podem ser fatais para os fios. Nesse caso, em vez de ficar com madeixas lindas, você vai ter o efeito contrário. É melhor não arriscar.

É selagem ou progressiva?

Acredite, essa dúvida é mais comum do que parece. Mesmo a selagem capilar sendo considerada um tratamento de reparação de cutícula, alguns salões insistem em usar o mesmo nome para um tipo de escova progressiva.

Nesse caso, existem na fórmula compostos alisantes, como o tioglicolato de amônio. “Muita gente confunde com uma espécie de hidratação, mas, se reduz volume, é progressiva”, alerta o cabeleireiro Ítalo Leite, do salão Werner Coiffeur, do Rio de Janeiro. 

E lembre-se: caso opte por fazer a progressiva de fato, busque produtos que sejam livres de formol – e sempre utilize produtos registrados pela Anvisa.

Contraindicações

Se o seu couro cabeludo é sensível e não aguenta as altas temperaturas, é melhor não utilizar essa técnica. Ela também não é indicada para mulheres grávidas e que estejam amamentando.

Caso os seus fios se encontrem muito danificados, pode fazer a selagem para recuperá-los, mas evite investir em outros procedimentos químicos em seguida, como descoloração, tinturas e alisamentos.

O indicado ainda é que a selagem não seja feita novamente em um intervalo menor do que três meses. “Em excesso, a queratina pode ter efeito contrário e deixar os fios mais danificados e grossos”, alerta o profissional.

Resultados

Logo depois do tratamento, já é possível notar a diferença: o cabelo volta a ser macio, sedoso e até ganha mais brilho. “Há a uma melhoria da penteabilidade, do frizz e da força dos fios”, afirma o tricologista Valcinir Bedin.

Cuidados para a selagem durar mais tempo

Para prolongar os efeitos da selagem, não descuide dos fios. Opte sempre por produtos específicos para o seu tipo de cabelo, hidrate frequentemente, tanto no salão de beleza, ao menos uma vez por mês, como em casa, semanalmente ou a cada 15 dias, e evite submeter os fios a procedimentos agressivos, como tintura, alisamentos, permanentes e relaxamentos.

“Procure evitar água muito quente, escovações exageradas e tratamentos químicos que abram as cutículas, como escova progressiva ou tinturas definitivas”, aconselha o dermatologista Valcinir Bedin.

E atenção, hein? Nada de exagerar na dose! O excesso do tratamento também pode ser prejudicial para a saúde do cabelo. “Quando feito com frequência desnecessária, também pode atrapalhar o clareamento dos fios em alguns casos”, alerta o cabeleireiro Arthur Tavares, do salão Zion Cabelo & Estética, em São Paulo.

Sugestão de produtos

O Shampoo e Condicionador TRESemmé Reconstrução e Força têm uma fórmula rica em proteínas, aminoácidos e colágeno para revitalizar e devolver a força dos cabelos danificados principalmente por processos químicos, reduzindo em até 99% a quebra dos fios.

Após a lavagem, a dica é complementar o ritual com a Máscara de Tratamento TRESemmé Reconstrução e Força, que contém os mesmos poderosos ingredientes para agir dentro da fibra capilar e reparar a estrutura dos fios, tornando-os mais resistentes, macios e brilhosos.

Próximo