Transição capilar: os produtos que não podem faltar

Descubra por que durante a transição capilar não poderão faltar no seu banheiro máscaras hidratantes, ativador de cachos, creme para pentear e outros produtos!

É verdade, a transição capilar é um período mega complicado. Se você decidiu não raspar o cabelo na máquina zero, então deverá esperar os fios crescerem naturalmente cacheados.  E enquanto espera o momento do “big chop, grande corte em português, os cabelos ficarão sem forma – ou melhor, com forma dupla: cacheado e liso ao mesmo tempo. Ele também será híbrido porque possui partes com e sem química ao mesmo tempo. Por isso, é preciso tomar alguns cuidados especiais. Veja algumas dicas sobre quais produtos são indicados para a transição capilar e cuide bem das suas mechas!

Transição capilar: máscara, o produto número 1

Cabelos cacheados e crespos costumam ser mais ressecados do que os fios lisos. Isso acontece por causa da forma do cabelo: o formato em espiral não possibilita que a oleosidade natural, produzida na raiz dos fios, cheguem às pontas.

Sem a oleosidade natural, o cabelo perde uma barreira de proteção que impede a perda de água. Resultado: fios ressecados, sem brilho e até com pontas duplas! E é aí que entram as  máscaras hidratantes. Elas devem ser usadas semanalmente para repor essa hidratação.

Sugestão de produto: Máscara De Tratamento Nexxus Oil Infinite, enriquecida com proteínas, glicerina e óleos hidratantes, ela ajuda a deixar os fios sedosos e brilhantes.

Óleos vegetais para fazer a umectação

Mas, é verdade: sem a película protetora de óleo, a hidratação nos cabelos dura muito pouco. Por isso, uma técnica faz sucesso entre as cacheadas e pode ser usada durante a transição capilar. Chamada de umectação, a técnica consiste em aplicar óleos vegetais nos fios para repor os nutrientes e criar a película oleosa, que sela as cutículas e mantém a hidratação por mais tempo.

Como fazer a umectação em casa

Fazer a umectação em casa é muito fácil! Depois de hidratar e enxaguar os cabelos, aplique o óleo vegetal em todo o comprimento, mecha a mecha, enluvando os fios com as mãos. Se tiver a raiz oleosa, tenha certeza de que não aplicará o óleo na região – é que isso pode agravar o problema.  Aguarde algumas horas e lave os fios normalmente. Entre os produtos que você pode usar na transição capilar estão os óleos de coco, argan, ricino ou jojoba – mas é bom ter certeza de que o óleo é 100% vegetal! Há até quem use o óleo de oliva. Recomenda-se a fazer o tratamento a cada quinze dias, pelo menos.

Ativadores e modeladores de cachos

Durante a transição capilar, os fios ficarão sem forma. Daí vem a importância do uso de cremes ativadores de cachos. Já os modeladores podem ser uma boa maneira de deixar os fios lisos iguais à raiz que nasce cacheada – só fique atenta ao diâmetro do aparelho, que deve ser semelhante ao diâmetro do cacho. Ah, caso use secador ou modelador de cachos, não se esqueça de aplicar um protetor térmico antes, ok?

Creme para pentear

Uma vez que os fios cacheados e crespos sofrem com o ressecamento capilar, é importante também aplicar cremes para pentear, que ajudam a dar forma (você já conhece a técnica da fitagem?) e proteger a cabeleira.

Sugestão de produtos: o Creme Para Pentear Dove Reconstrução Completa e o Creme Para Pentear TRESemmé Cachos Perfeitos.

E, sim, acessórios!

Não deu tempo de cachear as pontas lisas? Sem problemas! Bandanas e faixas, além de mega estilosas, podem disfarçar a raiz cacheada. Um jeito fácil e prático de resolver o problema sem ter que aplicar muitos produtos!