Vale a pena usar acidificante capilar? Descubra a utilidade!

Se tem dúvidas sobre como usar o acidificante no cabelo com química, fique por aqui! Descubra a função do produto, veja receitas + dicas de como aplicar

Está em dúvida se vale a pena investir no acidificante capilar? Então continue lendo para saber tudo sobre o produto indicado para quem tem química no cabelo e quer recuperar a saúde das madeixas através da acidificação capilar.

Confira nosso guia completo sobre o acidificante para cabelo – que promete equilibrar o pH dos cabelos e deixar os fios menos porosos. Descubra o que é, para que serve e como usar!

Afinal, qual a função do acidificante no cabelo? Esse produto – que pode ser um creme, tônico ou loção mais fluída – entra como parte do procedimento chamado de acidificação capilar, que tem como objetivo acidificar os cabelos com química.

O acidificante atua para regular o pH natural e fechar as cutículas dos fios: deixando-os menos elásticos, porosos, ressecados, e, consequentemente, mais saudáveis.

O acidificante capilar é recomendado para cabelos muito danificados pela química: loiros descoloridos, alisados, emborrachados, etc. Mas o produto pode ser benéfico para todos os tipos de cabelo que sofrem com os danos de procedimentos químicos – incluindo os lisos, mas principalmente os cacheados.

Benefícios do acidificante capilar

Quer saber quais são os maiores benefícios do acidificante capilar? Confira os principais:

  • Sela a cutícula dos fios;
  • Reequilibra o pH natural dos cabelos danificados;
  • Nutre e alinha os fios;
  • Deixa o cabelo menos áspero e poroso;
  • Protege os fios contra agressões externas;
  • Potencializa os efeitos de tratamentos e cuidados;
  • Dá brilho e maciez aos cabelos.
Mulher de cabelo castanho molhado sorri enquanto trata o cabelo com acidificante capilar
Foto: Shutterstock

Você pode se interessar por: Como montar um cronograma capilar para fios danificados

Como usar acidificante capilar

Existem algumas formas de usar o acidificante para cabelo. No salão, o profissional pode optar por fazer o tratamento logo depois do procedimento químico, para estabilizar o pH que foi alterado pelos produtos usados, possivelmente super agressivos para os fios.

Em casa, o acidificante deve ser usado após lavar o cabelo apenas com shampoo e antes da máscara de hidratação ou creme de tratamento. O produto vai ajudar a selar as cutículas dos fios, o que potencializa o resultado do tratamento, ajuda a reter nutrientes e prolonga o efeito hidratante do creme.

Foto de antes e depois de mulher com cabelo cacheado curto e preto após fazer tratamento com acidificante capilar
Antes e depois do tratamento com acidificante capilar | Foto: Reprodução | Instagram @studiodenisefernandeshair

Sugestões de produtos

Existem produtos acidificantes para cabelo no mercado que têm ativos como vitamina C, extratos cítricos, ácido hialurônico e até niacinamida na composição. Por isso, vale a pena incluir outras opções que tenham esses ingredientes na fórmula, para dar início a essa rotina de cuidados desde o momento da lavagem.

Nossa sugestão é começar lavando os fios com a dupla de shampoo e condicionador da linha Colágeno + Vitamina C by Niina Secrets. Para complementar os tratamentos, a máscara para tratamento da mesma linha é uma excelente opção.

 

Outras sugestões são o shampoo Seda Recarga Natural Pureza Detox  e o shampoo Seda by Niina Secrets Água Micelar + Hialurônico. Mas temos mais uma alternativa que você pode incorporar na sua rotina capilar: o Tônico Reequilibrante Love Beauty and Planet Crescimento Saudável – que tem niacinamida – ou vitamina B3 – na composição.

Leia também: Saiba tudo sobre selagem capilar

Receitas caseiras de acidificante capilar

As receitas caseiras de acidificante capilar geralmente são à base de vinagre de maçã ou frutas cítricas como o limão ou a laranja, por exemplo. Mas não podemos deixar de alertar que o mais indicado é buscar por acidificantes para o cabelo que sejam industrializados, já que são testados e seguros para serem usados nos fios, além de permitidos pela Anvisa.

Se mesmo assim você quer arriscar e testar algumas receitas caseiras de acidificante capilar, separamos os tutoriais que são mais populares na internet. Confira o passo a passo de cada um!

Acidificante capilar à base de vinagre de maçã

O vinagre de maçã já é um ingrediente natural muito usado por quem precisa reequilibrar o pH do cabelo danificado, além de ser famoso por trazer outros benefícios aos fios. Anote cada passo da receita:

  1. Junte aproximadamente 1 colher de sopa de vinagre de maçã com 3 partes de um condicionador à sua escolha.
  2. Misture bem e aplique nos fios depois de lavar o cabelo com shampoo e enxaguar bastante.
  3. Passe a mistura nos cabelos ainda úmidos e deixe agir entre 5 a 15 minutos.
  4. Enxágue novamente e finalize com uma máscara de tratamento de sua preferência.
Vinagre de maçã e a fruta como forma de acidificante para cabelo em receita caseira
Foto: Shutterstock

Acidificante capilar à base de limão

Por ser uma fruta ácida, o limão – e pode ser qualquer tipo de limão – também é muito usado em receitinhas de acidificante capilar caseiro. Existem receitas que levam o suco de limão puro e outras o suco diluído em água. Quer saber como fazer a segunda? Veja o tutorial:

  1. Misture bem 1 parte de suco de limão com 5 partes de água filtrada. Faça uma quantidade suficiente e proporcional para cobrir todo o seu cabelo.
  2. Lave o cabelo com shampoo, enxágue e passe a mistura nos fios ainda molhados.
  3. Deixe agir nos fios entre 5 a 15 minutos.
  4. Enxágue muito bem e finalize com um condicionador ou creme de tratamento de sua preferência.

Aviso importante: não utilize nenhum ingrediente natural no couro cabeludo ou nos fios sem antes consultar o seu médico ou profissional de confiança. Prefira produtos previamente testados e evite reações alérgicas ou irritações na pele.

Maiores dúvidas sobre acidificante capilar

Ainda ficou com dúvidas sobre como usar acidificante para cabelo? Confira nossas respostas às questões mais frequentes!

Como inserir o acidificante no cronograma capilar?

Além de equilibrar o pH dos fios com química, o acidificante capilar tem a função de potencializar os efeitos da máscara de tratamento em qualquer fase do cronograma capilar: tanto na de hidratação quanto na de nutrição, mas principalmente na etapa de reconstrução.

O importante é consultar um profissional de confiança para entender a frequência ideal desse procedimento para o seu cabelo. Assim, você consegue encaixar o tratamento com acidificante capilar de acordo com o calendário do seu cronograma personalizado.

Quando usar o acidificante para cabelo?

Você deve estar se perguntando: em que momento usar o acidificante para cabelo? É possível recorrer ao tratamento logo após fazer algum procedimento químico, que normalmente é feito no próprio salão.

Depois, como forma de manutenção e recuperação dos danos causados pela química, o acidificante deve ser usado após lavar o cabelo só com shampoo e antes de aplicar a máscara ou creme de tratamento.

Quantas vezes na semana posso usar o acidificante capilar?

Outra dúvida muito comum sobre o acidificante no cabelo é qual a frequência ideal de uso. Especialistas recomendam usar o acidificante capilar semanalmente e em conjunto com uma máscara de reconstrução – caso o seu cabelo esteja muito poroso e tenha passado por procedimentos químicos muito agressivos recentemente.

Para fios que não estejam tão danificados, o mais indicado é recorrer ao tratamento apenas 1 vez por mês. De qualquer forma, consulte sempre um profissional de confiança para te ajudar a definir com qual frequência você deve passar acidificante nos fios.

Artigo anterior
Artigo seguinte
Decoration image
Decoration image