Transição capilar: tudo sobre o processo para recuperar cachos ou assumir grisalhos

O período de quarentena fez com que muitas mulheres embarcassem numa jornada para recuperar seus cachos ou até mesmo adotar os cabelos brancos. Sim, abandonar a química pode ser desafiador, mas o resultado compensa. Por isso, criamos este artigo para você tirar todas suas dúvidas sobre o processo de transição capilar!

Neste período de isolamento social, com salões de beleza fechados e mais tempo para cuidar dos cabelos, muitas mulheres, no conforto de sua casa e longe de quaisquer pressões externas, optaram por iniciar o processo de transição capilar, seja para ter de volta seus cacheados e crespos ou assumir os fios brancos.

Com esses momentos de autocuidado mais recorrentes e diante de todo esse cenário de transformação da quarentena, houve também quem aflorou o autoconhecimento e tomou a decisão de aderir os cabelos naturais.

Diversas famosas, inclusive, também fizeram parte disso, como Maísa, Juliana Paes e Bruna Marquezine, que exibiram seus cachos naturais nas redes sociais. Já Preta Gil, Demi Moore e Astrid Fontenelle fazem parte do time que exibiu com orgulho seus grisalhos durante a quarentena.

Se você também quer viver essa jornada e está cheia de dúvidas sobre o assunto, preparamos um dossiê com diversas perguntas e respostas sobre transição capilar, seja para voltar a ter madeixas crespas ou cacheadas ou adotar os cabelos brancos. Vem!

1. O que é transição capilar?

A transição capilar faz parte de um processo de autoaceitação da beleza natural. É o processo de deixar os cabelos voltarem à textura natural, eliminando a química que mantinha os fios alisados.

Essa jornada de transição também pode fazer parte da vida de mulheres que optam por abandonar a coloração e assumir os cabelos grisalhos.

2. Como fazer a transição capilar?

O primeiro passo é ter vontade de voltar a ter os cabelos naturais. Com essa decisão em mente, é preciso abandonar totalmente quaisquer procedimentos químicos que alisem (alisamentos, escovas progressivas, relaxamento…) ou alterem a coloração dos fios, no caso das mulheres que querem adotar os cabelos brancos.

Na transição para crespos e cacheados, uma das formas de começar o processo é com o big chop (grande corte, em português), um tipo de corte bem curto que retira toda a parte quimicamente alisada dos fios. O corte bem curtinho também pode ser feito por quem deseja assumir os cabelos brancos, para abreviar o período da transição.

Mas, apesar de facilitar bastante, já que evita ter que lidar com duas texturas ou tons contrastantes, adotar essa medida é apenas uma opção. Você pode cortar o cabelo no momento em que quiser e o quanto quiser, desde que se sinta preparada.

3. Quais são os melhores produtos para a transição capilar?

Não é fácil enfrentar os desafios da transição capilar. Para ajudar nessa fase, existem produtos indispensáveis para o sucesso dessa jornada. Quem está fazendo a transição para recuperar os cachos pode lançar mão de máscaras de hidratação, como a Máscara Capilar Seda Boom Hidrata e muito creme para pentear. Nosso queridinho? O  Creme para Pentear Seda Boom Transição.

Confira também outras recomendações de produtos para a transição.

No caso da transição para cabelos brancos, invista em shampoos que evitem o aspecto amarelado e mantenham um tom prateado bonito nos fios. Máscaras para aumentar a densidade dos fios grisalhos também são bem-vindas.

4. Como lidar com o período de transição capilar?

Durante a transição capilar, você vai ter que lidar com duas texturas ou tonalidades de cabelo diferentes. Mas não deixe esse contraste te desanimar – e tampouco dê trela para comentários talvez não tão agradáveis.

Foque nos fatores positivos a longo prazo como, por exemplo, imaginar a sensação de ter seus fios genuínos de volta e toda a sua beleza natural, sua identidade, recuperada.

Converse sobre isso com amigas próximas, inclusive as que já passaram pela transição capilar, e abuse de acessórios e penteados. Para te ajudar a lidar com tudo isso, separamos 5 dicas para não desistir da transição.

5. Penteados para cabelos curtos

Você fez o big chop e agora não sabe que penteado te cai bem? Não pense que cabelo curto é sinônimo de pouca opção de penteado! Pelo contrário: vamos te mostrar que é possível fazer penteados após big chop, sim. E ainda tem diversos acessórios para usar nesse momento de descobertas. Olha só esses 10 penteados após big chop que vão valorizar seu novo visual.

6. Dicas de cortes para cabelo curto

Se você optou pelo corte de cabelo curto, certamente está vivendo uma nova fase. Chegou a hora de apostar todas as fichas para que esse período de transição seja tranquilo. Para começar, o corte deve respeitar seu estilo. Mostramos aqui algumas opções de corte curtos.

Mulher com cabelos crespos

7. Como fazer o cabelo crescer mais rápido depois de cortar?

Se você quer que os fios cresçam logo depois de cortá-los bem curtos, a gente recomenda paciência e também algumas dicas para promover o crescimento saudável dos seus fios, como ter uma alimentação saudável, massagear o couro cabeludo e usar produtos que os fortaleçam, como o shampoo e condicionador Seda Crescimento Saudável, que contêm biotina na fórmula.

Descubra outras dicas para ajudar no crescimento dos fios!

8. Penteados para transição capilar: dicas para quem não quer cortar o cabelo bem curto

Há quem prefira passar pela transição capilar sem cortar os fios bem curtinhos para tirar toda a química – e tudo bem! Se você está passando pela transição para ter de volta cabelos crespos ou cacheados e quer se sentir mais confortável enquanto se acostuma com a raiz crescendo e as madeixas apresentam duas texturas, aposte em penteados como coques e tranças, que são os melhores para disfarçar essa diferença dos fios. Que tal experimentar esses 3 penteados para cabelo em transição?

Mulher com coque duplo no cabelo

Além dos penteados, a texturização com bigudinhos, por exemplo, é uma ótima alternativa para criar cachos nas madeixas e enrolar a parte lisa. Aprenda mais sobre essa e outras técnicas ideais para esse período de transição.

As grisalhas em transição também podem experimentar novos penteados para se sentirem mais seguras e confiantes com os fios que começam a ficar evidentes. Tranças embutidas e coques também são boas pedidas.

Ana Fonte (@anagrisalhando) com cabelos grisalhos na franja e coque
Foto: Reprodução | Instagram @anagrisalhando

9. Quanto tempo dura a transição capilar?

Aqui, mais uma vez, recomendamos paciência. Isso porque nosso cabelo cresce cerca de 1 centímetro por mês – e, apesar de algumas dicas ajudarem a estimular seu crescimento saudável, não existem milagres que o farão esticar mais do que isso.

Além disso, não existe uma resposta exata para essa pergunta, pois o tempo de duração da transição depende da saúde dos fios, se você fez big chop ou não, a frequência de corte, qual comprimento deseja atingir… Ou seja, esse processo pode levar alguns meses, um ano ou mais.

Quer conferir outras perguntas e respostas sobre transição capilar? Escreve pra gente no nosso Instagram (@allthingshairbr) para te ajudarmos. <3

Próximo