Tendências

Coque na franja: visual impactante e fashionista para usar já

Conheça esta nova versão de um dos nossos penteados mais queridos.

 

O coque na franja é uma versão do coque altíssimo, um dos nossos penteados queridinhos na última década. Foi em meados dos anos 2000 que as meninas mais estilosas, incluindo modelos “off duty” (ou seja, entre um e outro desfile, com seu visual da vida real) foram vistas por aí com os fios presos num coque superalto e bagunçadinho. De lá para cá, esse jeito de prender os fios nunca mais deixou de estar em alta. E alcançou mesmo as mulheres não tão ligadas no mundo fashion.

Muitas são as justificativas para o coque altíssimo fazer tanto sucesso. A principal delas é  o conforto e a facilidade. Num minutinho, eles está pronto. E não há como sair errado. Mesmo se os fios ficarem escapando pelas laterais ou se a base do cabelo não estiver tão arrumada, o resultado final agrada. O coque na franja é um modo mais ousado de aderir ao penteado. Como o nome diz, ele é feito bem na frente da cabeça.

Modelo desfila usando casaco caramelo e vermelho, batom roxo escuro e cabelo preto preso com coque na franja
Pontinha solta dá ar “cool” ao coque na franja. | Foto: Indigital.com

Coque na franja: o que é

O coque na franja, ao contrário do que pode parecer, não é um coque feito apenas com os fios da franja (até porque essa seria um tipo de topete). Na verdade, o penteado ganha esse nome, porque é formado na linha onde os fios nascem, bem na divisa com a testa. Se o coque altíssimo surgia no centro do couro cabeludo (no cucuruco, na coroa ou como queira chamar a área mais alta da cabeça), o coque na franja vai além e chega lá na frente.

Mulher loira usa vestido dourado brilhante e coque na franja
Coque na franja: diretamente das passarelas internacionais. | Foto: Indigital.com

Coque na franja: para quem

A tendência surgiu nas passarelas internacionais, em cabelos muito lisos. Neles, o coque na franja surge numa base impecável. Ou seja: os fios são puxados para a frente completamente disciplinados. E é na linha de nascimento dos fios  que o coque é preso. Esse formato privilegia quem tem já tem fios lisos. Mas, claro, pode-se adaptar aos diferentes tipos de cabelo. Outra vantagem desse penteado é servir para quem tem testa grande e queira suavizar esse traço. Fica a dica.

Mulher loira usa casaco azul marinho, batom preto e cabelo preso num coque na franja.
O coque na franja aparece mais virado para a frente ou para a cima. | Foto: Indigital.com

Coque com franja: para fazer

Se quiser roubar o look visto nas passarelas, comece alisando os fios com uma bela escova, capaz de deixá-los retos e brilhantes. Aplique um leave-in que ajude a homogeneizar o visual. Nota: quanto mais lisos, mais brilhantes os fios ficam, já que o brilho é o resultado de como a luz incide sobre uma superfície — se ela for plana, mais forte será o reflexo. Depois disso, junte todos os fios e, com o apoio de uma escova raquete, leve-os para a frente. Quando chegar à testa, prenda com um elástico e, então, faça um coque simples. Arremate com grampos.

Pelas imagens de coque com franja que compartilhamos aqui, você pode perceber que há opções para quem prefere colocar o coque virado para cima ou para a frente (mais diferente, né?). Essa segunda alternativa é mais última para quem quer amenizar o tamanho da testa. Vale perceber também que a pontinha final solta é parte do charme do penteado. Ela ajuda a dar uma graça a mais ao coque na franja, que, de outra forma, seria impecavelmente polido. Porém, a pontinha deixa uma sensação mais “cool” ao look. Dá ou não vontade de usar agora mesmo?

Sugestão de produtos

Shampoo Clear Hidratação Intensa e Condicionador Clear Hidratação Intensa ajuda a cuidar do cabelo, da raiz às pontas, devolvendo a saúde dos fios. Creme de Tratamento Dove Pure Care Dry Oil, que ajuda a manter a hidratação.

Salvar

All Things Hair
All Things Hair
04 fevereiro 2017

Próximos
Artigos