10 tipos de coques para fazer com a esponja donut

Ana | 06 julho 2016
×

Esponja donut é sinônimo apenas de coque rosquinha? Que nada! Com essa ferramenta de cabelo, dá para criar diversas outras opções de coques.

O coque rosquinha já se tornou um dos mais penteados mais clássicos quando se deseja um cabelo certinho e com volume. O segredo para o sucesso? A esponja donut, uma ferramenta relativamente recente no mercado capilar, maleável, com uma imensa variedade de tamanhos e versátil, por que não? Pode acreditar, com esse novo queridinho você vai conseguir criar diferentes versões de coques cheios e poderosos. Selecionamos 10 opções para você se inspirar. Confira!

Esponja donut no coque rosquinha clássico

Também conhecido pelo nome de coque donut, em referência ao doce tão tradicional das padarias norte-americanas, esse estilo romântico de penteado tem como característica principal o fato de ser um coque bem cheio no contorno e com bem menos volume no centro, como se o comprimento estivesse furado. Nessa versão tradicional, a esponja donut é posicionada bem no alto da cabeça e os fios ficam certinho, mas ainda naturais.

Efeito molhado

Essa versão do coque rosquinha deixa os fios ainda mais certinhos que na versão original. Você consegue conquistá-la com a combinação gel (tradicional ou líquido em spray) mais pente fino. Para equilibrar o efeito sem um fio fora do lugar, aposte em uma esponja donut grande, para deixar o penteado com um volume impressionante.

Combinado com box braids

Quem disse que só mulheres de fios lisos podem abusar do coque rosquinha? Que nada! Quem tem penteados afro, como as tão populares box braids, também pode (e deve) apostar neste estilo de cabelo. Aqui, a esponja donut funciona menos para dar volume e mais para servir de suporte para os fios ficarem arrumados em um coque perfeito e muito estiloso.

Coque desfiado

Se seu estilo é mais despojado, você pode usar a esponja donut para fazer um coque rosquinha mais bagunçadinho e todo desfiado. Para isso, use um pente fino para pentear os fios no sentido contrário ao do comprimento. Você logo vai ver seu cabelo ganhar volume e rebeldia controlada. Aqui, o frizz não tem problema, já que é intencional.

Sugestão de produto:  TRESemmé Spray Texturizador Expert Perfeitamente (des)Arrumado.

Com acessórios de cabelo

O coque rosquinha não precisa ser necessariamente no alto da cabeça. Ele pode ser médio ou baixo, como em um coque bailarina tradicional. Para incrementar esse penteado básico, invista em acessórios poderosos, como fivelas, grampos de cores contrastantes a sua cor de cabelo, laços, lenços, tiaras… As opções são mesmo infinitas!

Coque-flor

O coque rosquinha pode se transformar em um sofisticado coque-flor Para criá-lo, deixe uma mecha grossa do lado de fora do comprimento para cobrir o penteado. Perfeito para uma festa mais formal, como formatura ou casamento.

Com tranças de raiz

Se você ama tranças, aproveite e deixe seu comprimento todo trançado com minitranças de raiz antes de seguir com o coque rosquinha tradicional.

Half bun

Penteado também conhecido pelo nome de semi-coque. Aqui, usa-se uma esponja donut menorzinha já que você não vai precisar usar o comprimento todo para criar esse cabelo moderninho.

Com pontas soltas

Se sua intenção é ousar, faça o coque rosquinha normalmente e, em vez de envolver o coque com o próprio comprimento, deixe as pontas soltas, de preferência jogadas para a lateral.

Com acabamento de nó

Como o coque-flor, trata-se de outra opção elegante para uma ocasião especial. Em vez de cobrir o coque rosquinha com um formato de flor, você arremata o penteado dando um acabamento de nó.

Sugestões de produtos: Para alinhar as pontas e finalizar os coques, boas alternativas são o Dove Serum-in-oil Advanced Hair Series Regenerate Nutrition e o Óleo Nexxus Oil Infinite.

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.