Visual estiloso e colorido com a trança de lã

All Things Hair | 18 abril 2016

Trança de lã é opção para dar mais cor e estilo ao visual.

Gosta de penteados afro? Eles estão mesmo com tudo, além de trazerem à tona toda uma história dos africanos que foram trazidos ao Brasil, ainda são cheios de estilo e uma excelente opção para fugir do visual comum do dia a dia. A trança de lã é um ótimo exemplo disso. Super estilosa, ela pode ser feita de vários tamanhos e com uma infinidade de cores (juntas ou separadas).

Opções de trança de lã

Como o próprio nome já sugere, a trança de lã nada mais é do que uma trança afro feita com lã, ou seja, ao invés de usar uma extensão de cabelo sintético ou natural, é a lã que é incorporada ao penteado para dar mais volume, firmeza e comprimento às trancinhas. Existem basicamente duas opções de trança afro: box braids (também conhecidas como tranças soltas) e rasteiras (nagô ou trança raiz).

Além disso, ainda é possível usar a lã para fazer dreads ou Marley Twists. No primeiro caso, as mechas são enroladas pela lã, substituindo a cera. No segundo, é usado no lugar do cabelo sintético para compor o entrelaçado.

Como fazer

Seja qual for a opção de trança de lã que você escolher, é de extrema importância que os cabelos estejam saudáveis, assim não sofrerão com a quebra durante a execução do penteado, nem na hora de retirar as trancinhas. Portanto, faça uma hidratação e uma reconstrução reforçadas antes de investir no novo visual.

Antes de partir para o penteado, estique a lã e corte vários pedaços – pode variar de um a quatro novelos. O tamanho de cada fio varia de acordo com o comprimento que você deseja obter. Mas, para medir leve em consideração que cada fio será dobrado ao meio e lembre-se que, ao ser trançado, ele vai diminuir um pouco.

Comece lavando os fios e secando-as muito bem. Não use nenhum creme ou óleo para finalizar. É fundamental que a umidade seja retirada por completo para evitar caspa, seborreia e também para garantir que o penteado não estrague o cabelo e fique bem fixo. Então divida-o em mechas finas.

Os próximos passos variam de acordo com o estilo de trança de lã desejado.

Para fazer as box braids, fixe alguns fios de lã divididos ao meio próximos à raiz, em cada uma das mechas e trance-as junto ao cabelo.

Caso escolha fazer as rasteiras, comece o trançado próximo à testa, prenda alguns fios de lã divididos ao meio com um nó, mantendo-os o mais próximo do couro cabeludo possível. Então, incorpore novos fios, formando uma linha vertical em direção à nuca. Depois continue com tranças soltas.

Manutenção

A rotina de cuidados com a trança de lã não é tão complexa quanto parece. Os cabelos devem ser lavados apenas com um shampoo sem sal. Aplique-o na raiz com a ponta dos dedos e massageie com cuidado. Evite o atrito dos fios ao máximo, portanto não esfregue as trancinhas. Apenas deixe que o shampoo escorra entre eles. Não aplique condicionador, máscara hidratante, nem cremes ou finalizadores. Se for usar o secador, deixe a temperatura fria ou, no máximo, morna.

O tempo que a trança de lã dura no cabelo varia de acordo com o tipo escolhido, podendo ser de 15 dias a três meses.

Dicas de produtos

Quando o cabelo está com as trancinhas sintéticas, ele também precisa receber uma limpeza profunda no couro cabeludo. Sugerimos o Shampoo TRESemmé Expert Perfeitamente (des)arrumado, que ajuda a eliminar toda a oleosidade prejudicial à saúde dos cabelos. Quando for fazer hidratação antes ou depois de fazer as tranças, nossa dica é o Creme de tratamento Dove Recuperação Extrema, que ajuda a reconstruir a fibra capilar, nutrindo profundamente os cabelos. Depois que retirar as trancinhas sintéticas e sentir que os fios estão caindo, procure por produtos que combatam a queda capilar, como o Creme de Pentear Dove Controle de Queda que reduz a quebra dos fios e previne a queda ao pentear.

(Artigo publicado originalmente em MeuCrespo.com.br)

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.