Texturização para transição capilar: 5 técnicas que vão te ajudar a passar por essa fase

Aline Bibiano | 07 junho 2018

Para você não desistir de voltar à textura natural dos fios!

Assumir os cabelos crespos e cacheados requer muita força de vontade e determinação. Quem toma a decisão de aceitar os fios naturais está ciente de que passará por uma fase que pode ser muito complicada. Um jeito fácil de disfarçar nesse período em que o cabelo está com suas texturas, é optando por estratégias de texturização para transição capilar.

Enquanto o cabelo cresce, invista na texturização para a transição capilar

Lidar com duas texturas pode ser estressante, pois os cachos que estão nascendo não têm a mesma definição do restante dos fios, que ainda estão com as pontas com a química do alisamento. Para igualar o formato do cabelo, algumas técnicas de texturização podem ajudar.

Escolha a melhor técnica e arrase no visual

A maioria das texturizações demandam paciência e tempo, mas o trabalho vale a pena. Cremes para pentear, geleias e leave-ins serão seus melhores amigos. Você irá descobrir que a parte lisa do seu cabelo é super maleável e que produtos que antes eram inaceitáveis,  farão parte da sua rotina capilar.

Não desanime, passar por esse momento também é uma redescoberta, aproveite para brincar com o seu cabelo como nunca antes havia pensado. Para te ajudar, veja as nossas 5 dicas de texturização para a transição capilar.

5 técnicas de texturização para transição capilar

1. Trança

Faça um mistura de gel com creme de pentear e aplique no cabelo seco mecha por mecha enquanto estiver fazendo a trança. Tente deixar as trancinhas bem apertadas e a espessura da  fica a seu critério. Mais grossas ondas maiores, mais finas ondas menores. Para o resultado ter bastante definição e durar dias, durma com as tranças e só desfaça no dia seguinte.

2. Bigodim

O bigodim é uma haste cilíndrica de espuma que tem um arame por dentro para deixá-lo firme e flexível.Para usá-lo, comece dividindo o cabelo de preferência seco em mechas pequenas, aplique creme de pentear e enrole a mecha no bigudinho. Comece pelas pontas levando o acessório em direção à raiz. Use grampos para mantê-los firmes. Repita a técnica em todo  cabelo. Espere secar totalmente, o secador pode agilizar o processo. Retire os acessórios cuidadosamente e solte os cachos com os dedos, finalize com óleo.

3. Coquinhos

A texturização para a transição capilar com coquinhos – ou bantu knots – é muito fácil. O método consiste em fazer pequenos coques em todo o cabelo e prendê-los rente à raiz. Para ter bastante definição com essa técnica é imprescindível que o cabelo fique preso por pelo menos oito horas. Uma dica é fazer o penteado antes de dormir e só retirar pela manhã.

4. Bobe

O velho e bom bobe não morreu. Para dar textura de cachos no cabelo, utilize aqueles menores, de formato cilíndrico, eles garantem bastante volume e cachos bem definidos. Para garantir durabilidade no penteado, aplique gel e creme de pentear mecha por mecha e enrole em cada bob. Caso faça isso antes de dormir, utilize uma touca de cetim para cobrir os fios protegendo e assegurando que os bobes não saiam durante a noite. .

5. Modelador de cachos

Esse tipo de texturização é rápida e pode ser feita minutos antes de sair de casa. A grossura do equipamento faz toda a diferença. Quanto mais grosso, maior o cacho e menor a definição. Selecione mechas, envolva-as ao redor do modelador de cachos e espere em torno de 10 segundos. Depois de fazer por todo o cabelo, se quiser cachos menos marcados solte os fios com os dedos.

Sugestão de produtos

Manter os cabelos limpos e hidratados é a principal maneira de fazer com que as texturizações durem mais. Utilize a dupla Shampoo Seda by Rayza Babosa + Óleos e Condicionador Seda by Rayza Babosa + Óleos que ajudam a dar hidratação e são sem silicones e parabenos.

Texturize com Seda Boom Geleia Capilar e Creme para Pentear Seda Bomm Cachos Mara Definidos para durabilidade do penteado. Finalize com Óleo Nexxus Oil Infinite com altas propriedades nutritivas.