As vantagens e desvantagens do shampoo a seco no cabelo crespo

All Things Hair | 03 abril 2016

As vantagens e desvantagens de usar shampoo a seco nos cabelos crespos. Descubra!

Ele pode ser um verdadeiro salva-vidas naquele dia em que você acordou atrasada e não tem tempo de entrar no chuveiro, embora seus cabelos pareçam implorar por uma lavagem. Basta aplicar um jato de shampoo a seco na altura da raiz, ajeitar com as mãos ou com uma toalha para retirar o excesso e pronto. Ufa! O excesso do produto ou o uso de maneira errada pode deixar os cabelos com aspecto duro e ressecado, o que é um pesadelo para quem tem fios crespos e já sofre com a tendência ao ressecamento.

Como usar o shampoo a seco a seu favor

O shampoo a seco é composto, principalmente, por uma substância química que absorve o excesso de oleosidade. O produto, portanto, não limpa e não pode substituir o shampoo tradicional. É apenas uma ação de emergência. Esse é o primeiro ponto a saber, se você quer usá-lo do jeito certo.

A posição do tubo na hora de aplicar o shampoo a seco também é importante e influencia no desempenho. A embalagem deve estar a uma distância de 15 a 20 centímetros da cabeça. Além disso, é importante segurá-la na vertical e não na horizontal para o shampoo vir de cima. Assim, dá para espalhar melhor e as chances de as partículas entupirem os poros é menor.

Depois de aplicar, você vai notar uma cama esbranquiçada, como se tivesse jogado talco na cabeça. Calma! É assim mesmo. Depois, basta dar uma sacudida com as mãos mesmo para espalhar – sem ficar passando muito os dedos, para não estimular a oleosidade de novo, né? Esfregar ligeiramente com uma toalha também ajuda.

Desvantagens: o shampoo seco resseca os fios?

Quem tem fios crespos, geralmente, já sente dificuldade para mantê-los hidratados. Isso acontece porque a oleosidade produzida na raiz se depara com obstáculos, que são as curvas e ângulos dos cachos, para chegar até as pontas. O shampoo seco não agrava esse problema, porque é superficial e não penetra na fibra. Funciona quase como se fosse uma maquiagem. No entanto, aplicar em excesso, pode, sim, deixar os cabelos com um aspecto duro, de ressecamento. Na hora de aplicar, lembre-se: menos é mais. Comece aos poucos e, só se sentir necessidade, aumente a dosagem. Não exagere!

O excesso ou a aplicação de maneira errada também pode causar problemas mais graves. Isso porque o produto pode se acumular nos poros, obstruindo-os. Isso leva a inflamações, coceiras, irritações e até queda de cabelo. É melhor maneirar, não é?

Pode substituir por talco?

Não é comum encontrar por aí, em forma de sugestão das amigas ou pela internet, sugestões que indicam o uso do talco no lugar do shampoo a seco para retirar a oleosidade dos fios. No entanto, essa não é uma boa ideia. O talco oferece um risco muito maior de acúmulo no couro cabeludo e obstrução dos poros, causando os problemas de que já falamos por aqui. Cada produto no seu lugar!

Dicas de produtos

Quem pretende usar o shampoo a seco quer retirar a oleosidade prejudicial do cabelo. Este produto não é o mais recomendado pra isso, então procure usar cosméticos específicos para esse problema, como o Creme de Tratamento TRESemmé Selagem Capilar Crespo Química que contém aminoácidos que penetram nos fios entregando força para os cabelos, sem deixá-los oleosos ou pesados. E o Shampoo Suave Lavanda E Bambu e o Condicionador Suave Lavanda E Bambu que ajudam a eliminar apenas a oleosidade prejudicial para os fios.

(Artigo publicado originalmente em MeuCrespo.com.br)

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.