Aprenda a selar a cutícula do fio do cabelo crespo

All Things Hair | 08 março 2016

Selar a cutícula é fundamental para garantir cabelos mais saudáveis e brilhantes. Aprenda a fazer a selagem capilar em casa.

Os cabelos sofrem agressões constantes, seja pelo excesso de calor de equipamentos como o secador e a chapinha, pela exposição (quase) inevitável ao sol e à poluição ou pelo excesso de procedimentos químicos. O fato é que nenhuma mulher está a salvo desse prejuízo. Nos fios crespos ou cacheados esse problema é ainda maior, afinal, os fios são mais irregulares, com partes mais grossas e outras bem fininhas que ficam ainda mais expostas. Para combater esse problema, alguns tratamentos são fundamentais, como selagem da cutícula (parte mais externa do fio), hidratações e também a reposição de massa. Conheça um pouco mais sobre esse importante procedimento e aprenda como selar a cutícula do fio.

Entenda o que é selar a cutícula

A fibra capilar é composta por três partes:

  • Medula, que é a região central;
  • Córtex, que é a principal parte, que dá cor e textura ao fio e é composta por proteínas;
  • Cutícula, a parte externa do fio, que brinda a fibra. Tem forma de escamas sobrepostas como se fossem telhas.
    A cutícula é a responsável por manter a água e os nutrientes dentro do fio e os agentes nocivos do lado de fora, fazendo um tipo de blindagem. Quando estão saudáveis, em bom estado, as células da cutícula se mantêm alinhadas, garantindo cabelos sedosos e brilhantes.

Já quando essa barreira de células é rompida e as escamas se abrem, os fios ficam ásperos, porosos, sem vida e com tendência ao frizz, à quebra e ao ressecamento. Nesse momento que entra em ação o processo da selagem capilar, o tratamento que fecha novamente a cutícula.

Passo a passo para selar a cutícula em casa

Fazer a selagem é fácil. Antes de mais nada, saiba que o “produto-chave” é o selante, geralmente composto por queratina e extratos vegetais, como óleos, para nutrir e preencher o fio, além de fechar as escamas.

Para começar, lave as madeixas apenas com shampoo. Com os cabelos ainda úmidos, divida-os em mechas finas para começar a aplicação.

Coloque o produto na palma da mão para fazer o enluvamento – essa massagem é o grande segredo para o sucesso da técnica de selar as cutículas.

É o seguinte: segure a primeira mecha perto da raiz a deslize a mão em direção à ponta com um movimento rápido, fazendo uma pressão média. Repita o processo várias vezes na mesma mecha antes de passar para a próxima. Em seguida faça o mesmo nas outras mechas, até já tenha aplicado o produto por todo o cabelo.

Caso tenha escolhido um produto sem enxágue, seque naturalmente ou com o auxílio de um secador, mas, nesse caso, não esqueça o protetor térmico e prefira usar um difusor.

Por fim, modele como desejar. Você pode repetir esse procedimento a cada quinze dias ou de acordo com a recomendação do profissional de sua confiança.

Depois de selar as cutículas, é só desfrutar de fios muito mais saudáveis, sedosos, bonitos, hidratados e blindados contra futuros danos!

Sugestão de produtos: Indicamos o Creme De Tratamento TRESemmé Selagem Capilar Crespo Original, que ajuda na hidratação selada e deixa os fios mais fortes. Para auxiliar na selagem das pontas, o Creme De Tratamento Dove Advanced Hair Series Regenerate Nutrition pode ser uma boa opção. Já o Óleo Nexxus Oil Infinite facilita que o cabelo fique mais macio e hidratado — sem deixá-lo pesado.

(Artigo publicado originalmente em MeuCrespo.com.br)