Realinhamento capilar em cabelo crespo: você já ouviu falar no tratamento?

Conheça a técnica que promete reconstruir e recuperar os fios, sem causar qualquer tipo de dano

Quando os cabelos estão frágeis, sem vida e quebradiços, pode ser difícil encontrar uma solução eficiente. O que fazer para recuperá-los? Uma das alternativas para ajudar nesse processo é o realinhamento capilar.

O tratamento tem aplicação semelhante ao de uma escova progressiva. No entanto, em vez de lançar mão do formol ou tioglicolato de amônia, agentes que podem causar danos, ele é à base de aminoácidos, que são componentes naturais do cabelo. Além disso, o objetivo aqui não é alisar e sim tratar os fios, para que eles fiquem mais macios e sedosos.

Foto de destaque: Reprodução | Instagram @naturally.nish

 

O realinhamento capilar é um tratamento feito no salão para recuperar os fios danificados e reforçar a camada protetora, prevenindo novas agressões. Apesar de não ter como objetivo o alisamento, o tratamento acaba deixando os cachos mais largos, o que pode dar a impressão de estarem mais lisos.

Benefícios do realinhamento capilar

Sabe qual é o segredo do realinhamento capilar? A composição da fórmula. Como dissemos, ele contém aminoácidos, que são partículas presentes na própria estrutura natural dos cabelos. Esse ingrediente penetra nos fios e age, recuperando vitalidade e a força, além de reduzir o frizz.

Os aminoácidos também ajudam a selar as cutículas – a camada externa, que reveste o fio. Como elas são células em formato de escamas, que se sobrepõem, envolvendo a fibra capilar, quanto mais fechadas, melhor a proteção contra agentes externos como o vento, o sol e a alta temperatura de aparelhos como o secador e a chapinha.

O procedimento também melhora a retenção da água absorvida na hidratação. Assim, os fios permanecem com um aspecto saudável por mais tempo.

E se, apesar de todos os esforços, você ainda tem dificuldade para manter o volume dos seus fios do jeito que quer, o realinhamento pode ser uma vantagem.

Entre as consequências de realinhar o fio, está a suavização e o relaxamento da textura. Por isso, o cabelo pode obter um efeito mais liso ou com cachos mais abertos, se esse for o seu desejo.

Realinhamento capilar para cabelos cacheados e crespos

Os fios cacheados e crespos são mais frágeis porque, em comparação aos lisos, eles possuem camadas de cutículas mais irregulares. Como é papel desse “revestimento” proteger o fio, eles acabam em desvantagem.

O realinhamento das cutículas tem como uma das principais funções a selagem delas, tornando mais resistente a película que envolve cada um dos fios.

Mulher com cabelos crespos médios e luzes sutis
Foto: Reprodução | Instagram @freshlengths

Outro ponto de atenção dos cabelos crespos é a porosidade, ou seja, com o tempo e a exposição a agentes agressores, eles adquirem falhas na estrutura. É como se a fibra perdesse parte da massa que a forma, tornando-se irregular.

Quando isso acontece, as escamas ficam abertas, deixando o fio poroso, opaco, quebradiço e sem vida. Os aminoácidos reconstróem o fio porque preenchem esses espaços vazios e fecham as cutículas.

Como fazer realinhamento capilar

O realinhamento capilar é feito no salão, porque exige uma série de cuidados profissionais. O primeiro deles é a escolha do produto. Alguns são vendidos como realinhamento, mas contém químicas fortes disfarçadas, como formol ou amônia.

Por isso, mesmo no salão, pergunte ao especialista sobre a fórmula para não cair em uma cilada. O passo a passo geralmente segue o seguinte padrão:

1. Os cabelos são lavados com um shampoo de limpeza profunda, para retirar impurezas e outros resíduos. Dessa maneira, o produto penetra melhor na estrutura.

2. Com os cabelos secos, o cabeleireiro aplica o produto mecha a mecha, com a ajuda de um pente fino e de uma escova.

3. É hora de esperar alguns minutos para que o realinhamento tenha efeito.

4. No final, é feita uma escova e a chapinha é utilizada para selar os fios.

E boa notícia: você não precisa esperar para lavar ou prender os cabelos depois de fazer o tratamento.

Quanto tempo dura o realinhamento capilar?

O efeito dura cerca de três meses. Depois desse tempo, é necessário repetir o procedimento.

Sem contraindicações

Como os aminoácidos são componentes naturalmente encontrados nos fios, eles são compatíveis com qualquer tipo de cabelo, mesmo com os já tratados com outros tipos de química.

Cabelos relaxados, com luzes e totalmente coloridos podem receber o tratamento sem problemas. Inclusive, ele costuma até ser indicado para nutrir e repor a massa perdida depois dos procedimentos que desgastam a beleza natural dos fios.

Na dúvida, é sempre bom conversar antes com um especialista. O profissional pode realizar o teste em uma mecha e saber o que pode acontecer antes de fazer o tratamento efetivamente.

Sugestão de produtos

Para o momento da lavagem, indicamos o Shampoo e Condicionador Bed Head Urban Anti+Dotes Resurrection, dupla ideal para recuperar a força e a resistência dos fios com sua fórmula hidratante.

Não se esqueça de que o cabelo também precisa de um cuidado mais profundo no dia a dia. A Máscara de Tratamento Bed Head Urban Anti+Dotes Resurrection proporciona uma boa dose de hidratação e nutrição para devolver a saúde e o toque sedoso dos fios.

Próximo