O que é cabelo crespo? Conheça seu fio por dentro

Você sabe o que é cabelo crespo? Conheça a estrutura do fio, saiba suas origens e aprenda a cuidar ainda melhor dele.

Parece até pergunta de criança, mas vai dizer que você não tem a curiosidade de saber o que é cabelo crespo, como é por dentro e o que dá esse formato a ele, diferente dos lisos? Nós tivemos e fomos logo tirar a dúvida com um dos maiores especialistas da área no Brasil, o médico tricologista Valcinir Bedin, de São Paulo (SP). Além de dermatologista formado pela Universidade de São Paulo (USP), ele é mestre e doutor em medicina pela UNICAMP (Universidade de Campinas), tricologista, nutrólogo e Presidente da Sociedade Brasileira do Cabelo. Veja o que ele diz…

O que é cabelo crespo: o segredo está na distribuição da queratina

Se o seu fio é enrolado, o que determina isso é a proteína que o forma: a queratina. A maneira como ela se dispõe na estrutura faz a diferença. “O cabelo crespo tem essa forma porque a queratina dentro do seu córtex, que é a estrutura interna do fio, é distribuída de maneira elipsoide”, explica Bedin. Isso quer dizer que há uma quantidade maior de queratina nos lados e menos no centro da circunferência da haste. E essa estrutura não influencia apenas no visual, não. Por ter uma quantidade menor no centro, o fio, como um todo, fica mais frágil no manuseio. Assim, é preciso atenção e delicadeza na hora de cuidar dele.

Para visualizar melhor essa diferença, imagine que está observando por um microscópio um fio de cabelo crespo e um de cabelo liso, ambos milhares de vezes ampliados. Se fizermos um corte transversal em cada um, o cabelo liso será visto com uma circunferência completa de queratina em volta dele. Já o crespo, terá mais queratina em alguns dos lados e menos em outros. A distribuição é irregular e algumas partes (as que tem menos queratina) são mais frágeis e desprotegidas.

Por que liso e por que enrolado?

O que determina se você vai ter cabelo crespo ou enrolado é a genética e a hereditariedade. Se seus pais, seus avós e seus outros antecedentes possuem cabelo crespo, as chances de você também ter são grandes, embora isso não seja uma regra absoluta. Em uma pesquisa recente, cientistas descobriram que o gene responsável pelo formato do cabelo é o trichohyalin.

Cuidado com as químicas

Por conta dessa estrutura mais frágil dos cabelos crespos e cacheados, a química aplicada sobre eles têm um potencial enorme de causar danos. É preciso protegê-los de todas as formas. “Para fazer um alisamento, por exemplo, é necessário mudar a distribuição da queratina dentro do córtex (a parte mais interna do fio). Para se chegar até essa parte, deve-se abrir as cutículas (a parte externa dos fios) e depois fechá-las. Isso pode causar danos irreversíveis aos cabelos”, alerta o médico.

E secador e chapinha: pode?

Poder pode, mas também é preciso usar moderadamente e proteger os cabelos de todas as formas, com produtos termoativados. “Com a tração, estamos desestruturando a ordem das fibras dentro do fio, o que pode causar danos de quebra ou ruptura da haste”, explica.

Os segredos do cabelo crespo bem cuidado

De acordo com Valcinir Bedin, o cuidado com os fios crespos começa bem antes do uso dos cosméticos: na alimentação. É preciso ingerir um cardápio com vitaminas, nutrientes, bastante água e pouca gordura. Além disso, é preciso lavar adequadamente, com produtos voltados para esse tipo de cabelo e água fria. Na hora de enxugar e de pentear, use o máximo de delicadeza possível para não quebrar os fios, que são mais frágeis.

Sugestões de produtos: Procure usar produtos específicos para seu tipo de fio. Como o Shampoo TRESemmé Selagem Capilar Crespo Original e o Condicionador TRESemmé Selagem Capilar Crespo Original, enriquecidos com aminoácidos e manteiga de karité, que prepara os fios para receberem outros tratamentos. O Creme Leave-in Nexxus Emergencée é indicado para quem faz uso de procedimentos térmicos, já que trata o dano enquanto preserva seu movimento natural.

(Artigo publicado originalmente em MeuCrespo.com.br)