Mitos sobre cabelo crespo: aprenda mais sobre esse tipo de fio

Tamires Crispim | 25 julho 2017
mitos sobre cabelo crespo

Será que tudo o que você ouve por aí é verdade?

Quando o assunto é cabelo crespo, existem muitos mitos e verdades que acabam confundindo sobre qual a melhor forma de lidar com esse tipo de fio que precisa receber cuidados especiais. Por ser naturalmente mais seco que os outros tipos de cabelo, os fios crespos necessitam de mais hidratação e outros tratamentos para ficarem sempre bonitos e com aparência saudável. Para te ajudar a entender melhor esse tipo de cabelo, separamos alguns mitos sobre cabelo crespo.

Você conhece todos os mitos sobre cabelo crespo?

mitos sobre cabelo crespo

Uma das coisas que precisamos dizer logo de cara é que o tratamento dado ao cabelo crespo não deve ser necessariamente igual ao dado para os cabelos cacheados. Embora existam algumas semelhanças entre esses fios, o cabelo crespo conta com muitas peculiaridades. Confira algumas delas.

Os cabelos crespos são todos iguais.

Não é bem assim. Na classificação dos cabelos, são considerados crespos os que se enquadram no tipo 4 (A, B ou C). Esse tipo de fio apresenta cachinhos mais fechados e, por esse motivo, são mais ressecados que os outros tipos de cabelo, mas existem diferenças entre os cabelos tipo 4.

As texturizações não ficam boas em cabelos crespos.

Mentira! A texturização talvez seja a aposta certeira para definir os cabelos tipo 4. Mas claro, nem toda técnica funciona bem para todo mundo. O ideal mesmo é pesquisar e testar cada uma até descobrir qual efeito mais lhe agrada. As donas de fios crespos podem optar por fazer fitagem, técnica COG ou coquinhos, por exemplo. Veja mais técnicas de texturização.

Franjas não combinam com cabelos crespos.

Quem tem cabelo crespo acaba se negando a chance de ter uma franja por achar que a mesma não combina ou não foi feita para o tipo de textura do seu cabelo. Mas com planejamento é possível conseguir um ótimo resultado com franjas em cabelo crespo. Não arrisque sozinha, mas entregue seu cabelo nas mãos de um cabeleireiro de confiança e apto para cumprir o desafio com louvor.

O cabelo crespo cresce menos.

Mito. A taxa de crescimento costuma ser a mesma para todos os tipos de cabelo, entre 1 a 1,5 cm por mês. Uma característica que faz o cabelo crespo parecer sempre menor é o fator encolhimento, que faz o fio encolher até 75% de seu tamanho total.

Não dá para platinar o cabelo crespo.

Esse é mais um dos mitos sobre cabelo crespo. Dá para platinar e deixar da cor que você quiser, sim! Mas claro, a tintura é um processo químico que exige cuidados em qualquer tipo de fio. Para os cabelos crespos, é importante prepará-los para receber a coloração e também planejar os cuidados pós-química. Uma dica é montar um cronograma capilar apto para essas necessidades, com muita hidratação e umectação para não deixar que os fios fiquem ressecados.

Ferramentas de calor não devem ser usadas nos fios crespos.

Quer usar chapinha, secador, modelador de cachos ou qualquer outra ferramenta de calor? Sem problemas! Mas saiba que pela fragilidade que o cabelo crespo apresenta, o uso dessas ferramentas deve ser feito com cuidado. Utilize sempre um protetor térmico e fique atenta à temperatura utilizada.

Sugestões de produtos:

Para os cabelos crespos indicamos a dupla de Shampoo Seda Recarga Natural Mel Antiquebra e Condicionador Seda Recarga Natural Mel Antiquebra. A combinação dos dois é ideal para conquistar a definição perfeita dos seus cachos, controlar os fios rebeldes e manter a forma por mais tempo.

Após finalizar a lavagem também é importante hidratar os fios. Para isso, use o Creme de Pentear TRESemmé CRESPOS, que é ideal para quem tem cabelos crespos que precisam de constante hidratação, deixando os cabelos mais fortes, saudáveis e com acabamento profissional. O produto é sem enxágue e pode ser aplicado no cabelo úmido ou seco.

Continuar lendo