5 dicas para deixar os cabelos lisos com química mais fortes e resistentes

All Things Hair | 22 abril 2016

Cabelos lisos com química exigem cuidados especiais para ficarem sempre fortes e resistentes.

Transformar um cabelo crespo em um liso brilhante e maleável tem seu preço. Ao fazer um alisamento, a estrutura dos fios é modificada de tal forma que as ligações químicas que sustentam a fibra capilar são rompidas, o que permite o aspecto liso e, em contrapartida, causa fragilidade. Assim, é preciso investir em produtos específicos e cuidados especiais para deixar os cabelos lisos com química mais fortes e resistentes.

Dicas para manter a saúde e vitalidade dos cabelos lisos com químicas

Se você não abre mão do alisamento e se sente mais bonita e confiante quando submete os cabelos ao procedimento, anote as dicas as seguir para garantir que seus fios sofrerão impacto mínimo para ficarem lisos.

1- Fique de olho no pH

Ao fazer um alisamento, as cutículas dos cabelos se abrem deixando os fios com pH alcalino, o que pode gerar ressecamento, além de uma fragilidade excessiva que resulta em quebra e pontas duplas. Por isso, é importante optar por shampoos e condicionadores que equilibram essa característica, ou seja, que tenham pH ligeiramente mais ácido.

Como nem todos produtos trazem essa informação na embalagem, dê preferência para aqueles que são destinados a cabelos com química pois, em sua maioria, eles possuem essa característica de pH. Evite também os shampoos antirresíduos e de limpeza profunda que são alcalinos.

2- Aposte em máscaras reconstrutoras

Para quem tem cabelos lisos com química, as máscaras reconstrutoras a base de proteínas são indispensáveis. Com o alisamento, o fio perde massa (queratina) ficando poroso e quebradiço. Os cremes de tratamento que possuem fórmulas reconstrutoras combatem o problema ao repor as proteínas no interior da fibra capilar. Mas, não exagere. O excesso de queratina pode deixar o cabelo com aspecto enrijecido.

3- Hidratação e nutrição também são fundamentais

Para que seus fios lisos fiquem macios, brilhantes e maleáveis, intercale as reconstruções com hidratações e nutrições em um cronograma capilar, assim, você garante que seu cabelo terá água e nutrientes que são a base de um cabelo forte e resistente. Se você não tiver disposição para fazer o cronograma, uma boa dica é potencializar a hidratação com óleos capilares antes da lavagem e também junto a máscara hidratante.

4- Filtro solar e proteção térmica

Como você leu acima, os cabelos lisos com química são mais frágeis e, por isso, são mais suscetíveis às agressões externas. Para minimizar o impacto que o sol, o vento e a poluição têm sobre os fios e ainda aumentar a durabilidade da progressiva, recorra a cremes de pentear que possuem filtro solar. Se, mesmo após alisar você ainda costuma usar secador e chapinha, proteja sempre os fios com produtos que oferecem blindagem térmica, afinal, as altas temperaturas são extremamente nocivas para os cabelos.

5- Cuidado com a sobreposição de químicas

Além de dar intervalos de, pelo menos, 3 meses entre as sessões de alisamento, procure sempre fazer o mesmo procedimento de alisamento sem sobrepor diferentes tipos de química no fio. Isso porque os alisamentos não costumam ser compatíveis entre si, o que pode comprometer seriamente a saúde dos cabelos.

Ao recorrer a shampoos específicos, tratamentos reconstrutores, máscaras hidratantes, proteção solar e também dando uma atenção aos tipos de alisamentos utilizados, você garante que seus cabelos lisos com química fiquem mais fortes e resistentes.

Dicas de produtos: Cabelos com químicas precisam de produtos específicos para eles. Nossa dica é o Shampoo TRESemmé Expert Detox Capilar e o Condicionador TRESemmé Expert Detox Capilar que ajuda a purificar suavemente o cabelo dos resíduos diários. Para complementar, experimente a Máscara De Tratamento Nexxus Emergencée que repõe a camada lipídica que as químicas retiram.

(Artigo publicado originalmente em MeuCrespo.com.br)