Aprenda 6 jeitos de amarrar o cabelo antes de dormir e acordar com fios lindos

Pequenos truques para amarrar o cabelo antes de dormir podem facilitar sua vida no dia seguinte.

Quem tem cabelos crespos conhece bem a seguinte situação: você vai dormir com os cachos modelados no capricho e acorda como se tivesse enfiado a cabeça na frente de um ventilador. Fios armados, sem forma, indefinidos e difíceis de remodelar. Aí, o jeito é lavar e começar a arrumação tudo de novo! Para evitar essas crises matinais – um horror, principalmente quando você acorda atrasada -, basta amarrar o cabelo antes de dormir. Mas não de qualquer jeito! Listamos aqui alguns dos truques para você prender o cabelo da melhor forma possível sem prejudicar seus fios, ou mesmo o seu sono.

Nada de usar elásticos super apertados ou penteados que incomodem. O principal segredo está na escolha dos acessórios. Prefira elásticos largos, completamente revestidos com tecido, sem aquelas ligas metálicas. Além de incomodar, elas podem enroscar no cabelo, provocando quebras e, consequentemente, fios arrepiados – o temido frizz.

Dependendo de qual resultado você quer obter com o seu cabelo ao acordar, temos algumas sugestões de como prendê-lo.

1. Coque soltinho

É a maneira mais básica para os fios ficarem controlados e com volume domado no dia seguinte. Basta puxar os cabelos para baixo, como se fosse fazer um rabo de cavalo  e enrolar as pontas, formando um coque. Prenda com grampos e, se quiser, com uma redinha. Para que os cachos não estiquem e percam a definição, é importante não apertar demais o coque.

2. Rabo de cavalo baixo com vários elásticos

Outra opção é separar vários elásticos (a quantidade varia de acordo com o comprimento do seu cabelo) e prender os fios em um rabo de cavalo baixo. Em vez de deixar as pontas soltas, coloque mais elásticos em toda a extensão, até chegar na pontinha. Um elástico ficará junto à cabeça, o próximo pode ser posicionado cerca de cinco centímetros abaixo, o outro cinco centímetros mais abaixo e assim por diante. Use elásticos revestidos de tecido e sem a parte metálica, que pode quebrar os fios. Não aperte muito para não deixar os fios marcados. Algumas mulheres de cabelos crespos ainda molham o elástico com algum tipo de óleo capilar antes de usá-los.

3. Coque abacaxi

A ideia aqui é fazer um rabo de cavalo soltinho bem no topo da cabeça. A técnica ganhou esse apelido porque a cabeça fica parecendo um abacaxi e as pontas dos cabelos, suas folhas. Assim, apenas a parte esticada em volta da cabeça fica em atrito com o travesseiro, sendo um ótimo jeito de amarrar o cabelo antes de dormir. E tudo bem, porque, quando você soltar os fios, essa parte ficará escondida por baixo das pontas, que estavam protegidas lá em cima.

4. Touca ou lenço de cetim ou seda

A touca ou o lenço de cetim ou seda envolvem os cabelos e impedem o contato e a fricção dos fios com a roupa de cama, provavelmente de algodão ou tecidos parecidos. Isso evita que os cabelos se quebrem ou fiquem desidratados e bagunçados pela manhã. O tecido da touca ou de lenço deve ser cetim ou seda, que são opções com tramas fechadas (o cabelo não passa pelos minúsculos buraquinhos) e com toque macio (o cabelo desliza e não enfrenta resistência). Isso previne a queda e a perda de definição dos cachos, por exemplo. O frizz também diminui consideravelmente. Outra opção é usar uma fronha de qualquer um desses materiais para cobrir o travesseiro na hora de dormir.

O que você pode fazer também quando acordar com o cabelo bagunçadinho é um penteado messy hair, que nada mais é do que os fios bagunçados propositalmente. Indicamos um spray que revitalize os fios no dia seguinte, como o Spray Seda Boom Day After.

5. Rolinhos ou tranças

As tranças também são boas alternativas, mas só para quem quer exibir ondas marcadas no dia seguinte. Se a ideia for manter o efeito de uma escova, por exemplo, ou exibir os cabelos lisos, esse penteado não ajuda. Os rolinhos ou tranças, que podem ser presos com elásticos (sempre revestidos com tecidos), grampos ou clipes, são formas tradicionais de evitar que os cabelos desmanchem. Com tranças maiores e mais grossas, os fios ficam com menos volume e se comportam bem no dia seguinte. As tranças menores formam cachos pequenos e formam aquele volume proposital, quase com o moderno efeito frisado.

As donas de fios crespos ou cacheados podem se beneficiar de uma forma de texturização conhecida com bantu knot: coquinhos feitos rentes ao couro cabeludo, com elásticos pequenos. No dia seguinte, é só soltar, aplicar um finalizador em spray, que pode ser um leave-in, e ajeitar os cachos com os dedos.

Modelo com cabelos amarrados com bantu knots
Invista noos bantu knots antes de dormir para já acordar com os fios definidos.

6. Vários rabinhos para quem tem cabelos curtos

Quem tem fios curtos provavelmente não conseguirá fazer coques ou rabos de cavalo. Nesse caso, dá para usar diversos elásticos de tecido e prender por toda a cabeça em pequenos rabinhos ou coquinhos. É possível dividir os cabelos em quantas seções forem necessárias. Vá experimentando o resultado e alterando para ficar do seu jeito.

Sugestão de produtos

Quando for higienizar os fios, é importante usar produtos que sejam específicos para o seu tipo de cabelo. A gente recomenda a dupla Shampoo TRESemmé Baixo Poo + Nutrição e Condicionador TRESemmé Baixo Poo + Nutrição, que ajuda a limpar delicadamente os fios enquanto hidrata.