Modices: os belos cabelos cacheados de Carla Lemos

Saiba como a influencer carioca Carla Lemos mantém seus exuberantes cachos e como aprendeu amá-los.

Carla Lemos, 31 anos, é a carioca sangue bom que fundou o Modices há dez. O blog tem uma legião de seguidores que alcança a marca de cerca de 1 milhão de pessoas por mês. E é com competência, muita cor e energia boa que ela aborda assuntos como moda, beleza, lifestyle, comportamento, cultura e feminismo. Quem acompanha o site também pode conferir a exuberância dos cachos de Carla.

All Things Hair bateu um papo exclusivo com a moça que contou não só sobre os penteados preferidos e cuidados que tem com os fios, mas versou também sobre transição capilar, autoestima, e a consciência da sororidade entre as mulheres. Confira a entrevista abaixo!

All Things Hair: Você tem um visual camaleônico, especialmente quando se trata dos cabelos. Quais foram seus visuais prediletos que você guarda na lembrança com todo carinho?

Carlas Lemos: Sim! Sempre gostei de mudar e os meus cabelos sempre foram parte importantíssima da minha vida. Eu já tive todos os cabelos possíveis e amo ter tido a audácia de ter experimentado tanto. Mas minhas memórias boas começam depois que conheci o Tiago Parente, meu cabeleireiro magia. O primeiro corte que ele fez em mim era um visual rockstar, levemente 80`s, que mudou minha vida. Depois eu tive uma fase com cabelo bem liso de franjinha escura meio Cleópatra que era muito maneiro. Tive a fase cabelo de surfista onduladão com mechas californianas loiríssimas e cabelão quase na cintura (que foi minha fase mais praiana mesmo quando eu estava fazendo uma viagem de carro pelo Brasil). Meu cabelo rosa unicórnio, que foi por curtíssimo tempo, mas é dos que mais amo e o único q tenho saudade. Claro, o cabelo atual que é meu favorito de todos: cacheadão com tom de ruivo acobreado.

Carla Lemos com cabelos ruivos e cacheados

ATH: Você tem cabelos naturalmente cacheados, a partir de quando você começou a amar o seu cabelo como ele é? 

Carla Lemos: Alguns dias depois do big chop. Não é de cara que você ama seu cabelo natural, primeiro você tem aqueles sentimentos mistos: é bonito, mas será que combina mesmo comigo? E, sem dúvidas, para mim o apoio das minhas garotas foi fundamental e deu aquela preenchida que faltava na minha autoestima.

ATH: Como foi passar pela transição capilar? Qual foi o maior aprendizado?

Carla Lemos: Eu já fiz transição capilar duas vezes na minha vida. A primeira, na época das primeiras escovas japonesas, fiz para deixar cabelo liso porque era o que tinha. Detestei e cortei curtinho para cortar o mal pela raiz. Depois, voltei a fazer progressiva já na fase mais light, só para tirar o volume. Quando resolvi voltar pro cabelo natural, eu vivia de turbantes, penteados e sempre usava modelador de cachos. É um momento em que você tem que dar atenção para o seu cabelo e isso se transforma numa jornada incrível de autoconhecimento que, sem duvida, é o maior aprendizado.

ATH: No site, você diz que um dos seus grandes aliados na transição foram os penteados. Quais foram os seus preferidos?

Tranças embutidas! Elas são as melhores para disfarçar a dupla textura dos fios e ainda deixam o visual elegante e arrumadinho. Além de sempre renderem elogios que fazem um bem danado para autoestima nessa fase.

ATH: Quais dicas você dá para quem está passando por esse momento?

Carla Lemos: Força, amiga, força! É um período difícil mesmo. Vai dar vontade de desistir, as pessoas vão te julgar, vão falar para desistir. Vai ter uma momento que vai odiar sua imagem no espelho e isso tudo faz parte do processo. A transição é um processo de descoberta que vai além da textura do seu fio e a melhor finalização. É também sobre se conectar com as suas origens, sua ancestralidade, entender quem você é dentro pra fora. Foi uma das experiências mais importantes da minha vida, sem dúvida.

ATH: Feminismo e cabelo, qual a relação que você traça?

Carla Lemos: A relação ente o feminismo e os cabelos é sobre desconstruir estereótipos e padrões opressores. Dar a mulher o direito e discernimento para que ela possa usar o cabelo do jeito que ela quiser: seja cacheado, alisado, colorido, curtíssimo ou na cintura. Feminismo também é sobre permitir que as mulheres façam as escolhas da sua própria vida.

ATH: Sororidade e cachos: é possível o cabelo ser uma arma na busca por empoderamento e liberdade?

Carla Lemos: Sem dúvidas. Todo esse movimento de aceitação e valorização dos cachos é a desconstrução de diversos padrões e estereótipos que oprimiam e não permitisse que as mulheres entendessem seus cabelos. E, quando você se descobre, se conhece e se entende é quando você se empodera. Todo esse movimento surgiu da troca entre mulheres, como era antigamente nas aldeias, uma mulher fazia o cabelo da outra e elas cuidavam dos seus cabelos coletivamente, que tem tudo a ver com essa consciência da sororidade entre as mulheres que é um movimento lindo demais.

carla lemos 20
Os cabelos cacheados de Carla Lemos, do blog Modices.

ATH: Qual seria um penteado girl power?
Carla Lemos: Esse daqui, rá! ATH:

Qual é a sua rotina de cuidados com os seus cachos atualmente?
Carla Lemos: Tudo começa antes da lavagem com o pré poo: passo um creme nas pontas e comprimento dos fios uns 10 minutos antes de entrar no banho para protegê-los. Depois, aplico shampoo só na raíz e ele sai quando a espuma escorrer pelos fios. Então, aplico a máscara de tratamento (hidratação ou nutrição, vou alternando entre lavagens) enluvando bem os cabelos. Em seguida, aplico o condicionador e faço o enxágue e tiro o excesso de água. Com o cabelo ainda bem molhado, já aplico o creme para pentear e vou amassando os fios. Por último, retiro o excesso de água que sobrou com uma camiseta de algodão e deixo secar naturalmente.

ATH: Qual é o produto que você mais está amando no momento? 

Carla Lemos: CoWash! E que descoberta mais maravilhosa, ainda mais agora no verão que com praia/piscina é inevitável molhar o cabelo e ter que lavar ele todo dia. Só que como o cowash é um condicionador limpante ele é muito mais leve e não deixa o cabelo ressecado.

Sugestões de produtos

O All Things Hair recomenda o uso do Shampoo Dove Ultra Cachos, que promete limpar e nutrir os fios  de dentro para fora. É composto de nutrientes, como proteínas e óleo de Buriti, rico em Ômega 9. Sua fórmula ajuda no controle do frizz e a selar os fios para manter cachos definidos e macios. Use em conjunto com o Condicionador Dove Ultra Cachos.

Você pode testar também o Creme Para Pentear TRESemmé Cachos Perfeitos, promete cachos definidos mantendo o movimento natural sem deixá-los pesados. O produto também auxilia no controle do volume e minimiza o frizz mantendo o movimento natural.