Blunt cut: a hora e a vez do corte reto

Ele chegou para quebrar a hegemonia dos fios desfiados e em camadas.

O blunt cut é uma alternativa mais impactante e polida de cortes curtos ou médios. Com comprimento acima ou abaixo do ombro, seu diferencial são as pontas retas, como não se via há algum tempo. Depois de anos em que até as versões mais populares do chanel ou do long bob se tornaram aquelas com pontas desfiadas ou em camadas, o blunt cut vem para deixar o visual mais limpo. Mas que fique claro: nem por isso menos feminino.

Com um corte simples, a estrela principal passa a ser a beleza dos fios, que precisam estar saudáveis e  brilhosos. Ao contrário de cortes com fios em camadas ou com assimetrias, o blunt cut não tem como desviar o foco da saúde do cabelo. Por isso, quem quer aderir à tendência deve estar disposto a cuidar do cabelo, além de caprichar no styling. Seu formato geométrico pede atenção aos detalhes.

mulher usa blusa preta, oculos escuro e cabelo com blunt cut
Fios lisos realçam o corte geométrico. | Foto: Indigital.com

Blunt cut: como texturizar

Ondulado e despojado

Se o resultado esperado for o “messy hair”, com pegada jovial e sexy, você vai precisar de um texturizador, que pode ser salt spray, cera, mousse, creme leave-in ou pomada. Para conseguir a ondas discretas que o corte pede, prefira amassar apenas as pontas do cabelo. Isso suaviza o efeito mais marcante do blunt cut, que é a linha reta. O look propositalmente desarrumado dá movimento ao corte reto. 

Liso e polido

Mas se, em vez de suavizar, a ideia for reforçar a característica principal do corte reto, não há outra ferramenta mais certa para estilizá-lo do que a chapinha. Antes de usá-la, sempre no cabelo seco, aplique um protetor térmico. Especialmente se alinhar o cabelo com a ajuda da chapinha se tornar um hábito, o protetor térmico se torna ainda mais importante, para que a alta temperatura não modifique a cor e a textura do fio, além de torná-lo quebradiço e opaco. Depois de alisar os fios, aplique um spray de brilho. O resultado desse leave-in nos fios lisos e retos é impressionante, um efeito “brilho de espelho”. Antes de uma festa especial, finalize com um spray fixador. O truque é borrifar o produto na mão, antes de passar na raiz do cabelo e nas pontas. Isso controla o frizz e mantém os fios no lugar, sem fazer com que percam o movimento.

Blunt cut: para que lado?

O cabelo reto é forte e chique. Para acompanhá-lo o melhor é partir o cabelo com uma risca bem perfeita. Se o corte desfiado ou em camadas combina com linhas que o repartem levemente fora do eixo ou mesmo em zigue-zague, o blunt cut se beneficia da linha reta. Tanto a risca central quanto a lateral estão em alta, de acordo com as passarelas e o street style registrado na última temporada de moda internacional. E como ambas são igualmente boas para o corte, antes de escolher entre uma e outra, fica a dica: a risca lateral ajuda a suavizar as expressões do rosto e tem fama de rejuvenescer o visual. Já a risca central é mais marcante, porém, ressalta todas as características do rosto — o que a torna inconveniente, no caso de quem quer suavizar ou esconder algum traço da face.

Sugestão de produtos: TRESemmé Spray Texturizador Expert Perfeitamente (Des)Arrumado ajuda a conquistar o look propositalmente bagunçado. Para hidratar os fios, Máscara De Tratamento Nexxus Emergencée ou Creme De Tratamento Seda Recarga Natural Força Antiquebra.

Salvar