Cauterização capilar: conheça o tratamento que recupera os fios

All Things Hair | 19 abril 2016

Nosso guia completo: entenda o que é, como é feita e quais os principais benefícios que a cauterização capilar pode trazer para os seus cabelos.

A cauterização capilar é um dos tratamentos mais complexos quando se trata de repor queratina do cabelo. A queratina é uma das proteínas essenciais para os fios, junto com a melanina. Responsável pela dureza das mechas, ela também pode ser encontrada em outras partes do corpo, como pele e unhas. A falta dessa proteína no cabelo acontece quando há excessos de procedimentos químicos que exigem a abertura e fechamento da cutícula capilar (parte externa do fio), como as escovas progressivas e colorações. O resultado são fios quebradiços, ásperos e com muito frizz. A cauterização capilar, basicamente, tem como objetivo reverter esse quadro, trazendo de volta um cabelo bonito e saudável.

Se você acha que seus fios estão mais fracos que o normal, precisando de uma forcinha extra, talvez seja hora de investir no procedimento.A seguir, entenda como a cauterização capilar funciona, seus benefícios e se essa é a melhor solução para o seu caso.

Passo a passo da cauterização capilar

Assim como qualquer tratamento um pouco mais complexo, o primeiro passo antes de optar pela cauterização capilar é consultar um cabeleireiro de confiança. Só ele poderá analisar o estado do seu cabelo, recomendar o procedimento e fazê-lo adequadamente no salão. Fuja de qualquer tipo de tratamento caseiro. Após o aval do especialista, é hora de partir para o procedimento, que acontece da seguinte maneira:

  • A primeira etapa é abrir a cutícula capilar a fim de que os produtos a serem utilizados penetrem nos fios. Para isso, usa-se um shampoo de limpeza profunda.
  • O grande segredo da cauterização capilar está na injeção de queratina líquida nos fios. É ela a responsável por recuperar as fibras capilares e devolver a elasticidade do cabelo. A substância age por, aproximadamente, 20 minutos.
  • A finalização do processo acontece com o aquecimento do cabelo, primeiro com o secador e depois com a chapinha – o calor ajuda a selar as cutículas, mantendo a queratina dentro dos fios.

O resultado, um cabelo macio e com muito mais brilho, já é visível logo na primeira aplicação. Se você costuma passar por muitos tratamentos químicos é importante refazer a cauterização capilar a cada 45 dias. Mas lembre-se: o tratamento não pode ser feito no mesmo dia que outros procedimentos, como coloração e alisamentos. Também é contraindicado para quem tem irritações, alergias ou feridas no couro cabeludo.

Cauterização capilar e hidratação: uma dupla de sucesso

Vale reforçar que a cauterização capilar é apenas umas das maneiras de deixar as mechas não apenas mais bonitas, mas também saudáveis. A hidratação, por sua vez, pode (e deve) ser feita em casa pelo menos uma vez por semana, como um complemento. “O processo faz com que as cutículas não percam moléculas de água. Desse modo, o cabelo fica nutrido, hidratado e bonito”, afirma o hairstylist Nelliton Carvalho, do salão Jacques Janine Augusta, em São Paulo. Então, escolha uma máscara ou ampola de tratamento adequada para seu tipo de cabelo e aproveite para aplicar massageando suas mechas. Enxágue em seguida com água fria ou morna e pronto.

Sugestão de produtos: Para sua hidratação caseira, aposte em ampolas ou máscaras de tratamento. Ampola De Tratamento Dove Recuperação ExtremaMáscara De Tratamento Nexxus Emergencée e o Creme De Tratamento TRESemmé Keratin Smooth são boas opções para todos os tipos de cabelo, dos naturais ao mais danificados. 

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.