Você sabe o que é foliculite decalvante? Especialista explica sobre a doença

Saiba tudo sobre essa doença que pode aparecer no couro cabeludo masculino. 

Você já ouviu falar de foliculite decalvante? Essa doença não é muito comum e por isso que muitos brasileiros ainda não a conhecem. Em geral, ela é uma das razões para a perda do cabelo em algumas regiões do couro cabeludo, por exemplo a área da nuca. Para explicar com mais detalhes e propriedade conversamos com a Dra. Ana Paula Garcia, dermatologista da clínica Carla Vidal. Confira!

O que é foliculite decalvante?

A foliculite decalvante pode surgir em qualquer parte do corpo humano que tenha pelos, mas normalmente aparece no couro cabeludo. Ela é uma inflamação, aguda ou crônica, da glândula sebácea anexa aos fios de cabelo.

Falando nos termos médicos, a especialista Ana Paula explica que a foliculite decalvante é uma alopécia cicatricial, ou seja, é um tipo de queda de cabelo que gera lesões com inflamação e pus no couro cabeludo, semelhante com as espinhas. “Pode ser irreversível e permanente”, alerta.

A doutora ressalta qual o perfil dos atingidos pela doença: “ela predomina em adolescentes e adultos jovens, principalmente em afrodescendentes do sexo masculino”, lembra.

É normal nos questionarmos porque essa doença aparece em algumas pessoas e em outras não, mas a doutora explica que a etiologia ainda não é totalmente compreendida. “O Staphylococcus aureus parece ter papel importante na patogênese da foliculite decalvante e pode ser isolado em quase todos os pacientes sem tratamento. Parece existir uma predisposição genética“.

modelo de Cabelo masculino cacheado 2018

Como identificar a foliculite decalvante?

É importante procurar um médico quando suspeitamos de algo diferente no couro cabeludo, mas como identificar a foliculite decalvante? A especialista explica que surgem bolinhas vermelhas ao redor dos fios de cabelo (pápulas foliculares eritematosas) que costumam ser dolorosas por ter muita inflamação.

“Os pacientes podem ter queimação, coceira e sangramento no local. Aparência em tufos também é observada, onde vários pelos emergem de um único óstio folicular, lembrando cabelos de bonecas”, detalha.

Segundo Ana Paula é normal perceber que com o tempo ocorre uma significativa queda de cabelo e as lesões se juntam formando grandes áreas de falha no couro cabeludo. “Essas áreas representam cicatrizes e o cabelo pode não crescer mais nesses locais”.

Qual o tratamento para essa doença?

A médica lembra que o tratamento da foliculite decalvante é um desafio que pode reaparecer, mas existem diferentes métodos paliativos. “O uso de antibioticoterapia tópica pode ser associada ao antibiótico oral, assim como o uso de shampoo com antissépticos pode contribuir para o tratamento. Corticosteroides, isotretinoína e dapsona também são opções terapêuticas. A remoção de pelo com laser tem sido utilizada no manejo de desordens foliculares cicatriciais”, finaliza.

Sugestões de produtos

Feito especialmente para homens, o Shampoo Clear Men Limpeza Diária 2 Em 1 entrega limpeza e cuidado para um couro cabeludo saudável e um cabelo macio. Formulado com Bio Nutrium 10, ele ativa a camada de proteção natural do couro cabeludo, deixando você livre da caspa.

Outra opção é o Dove Men+Care Shampoo 2 em 1 Força Resistente que possui uma fórmula com cafeína fortificante e estimulante, trazendo força ao seu cabelo para que você possa tratá-lo do seu jeito.

Já o Shampoo CLEAR MEN Controle e Alívio da Coceira com eucalipto tem dupla ação: alivia a coceira e a irritação. Formulado com Bio Nutrium 10, ele ativa a camada de proteção natural do couro cabeludo, deixando você livre da caspa.