Óleo vegetal para cabelo: 10 opções para você escolher o ideal

Usar óleo capilar natural pode pode trazer muitos benefícios para o seu cabelo. Saiba qual o ideal para as necessidades dos seus fios e como usar.

O óleo vegetal para cabelo nutre e sela as cutículas dos fios, tornando-os mais fortes, devolvendo o brilho, a vitalidade e a textura agradável, além de manter a hidratação por muito mais tempo. Conheça algumas das melhores opções disponíveis no mercado e escolha aquela que irá deixar o seu cabelo verdadeiramente deslumbrante!

Cada óleo tem os seus elementos e as suas texturas, o que pode beneficiar mais alguns tipos de fios que outros. “Existem diferenças de textura entre os óleos e componentes favorecendo determinados benefícios. O óleo de coco evita a desidratação, o óleo de argan é indicado para nutrição capilar, enquanto o óleo de macadâmia é indicado para reconstrução capilar”, explica a dermatologista Paula Sanches, de São Paulo.

1. Óleo de argan

Esse é um óleo vegetal que ganhou muita popularidade nos últimos anos, tornando-se conhecido também como “ouro líquido de Marrocos”. E essa fama toda não veio à toa, uma vez que ele possui altos níveis de vitamina E e de ômegas 3, 6 e 9, o que significa que é ótimo para nutrir as madeixas. Além disso, possui 80% de gorduras insaturadas, tornando-o um excelente lubrificante e emoliente.

Como já contamos, existem diversas formas de aplicar o óleo de argan no cabelo, entre elas, diretamente nos fios secos como finalizador ou ainda ser utilizado na pré-lavagem. Para isso, deixe agir nas madeixas por 15 minutos antes de entrar no chuveiro. O resultado será menos danos e muito mais brilho!

Encontre em: Shampoo, Condicionador e Máscara de Tratamento Nexxus Frizz Defy.

Também presente em: Shampoo Seda Bomba Argan e Condicionador Seda Bomba Argan.

 

2. Óleo de ojon

Extraído da castanha de palmeiras típicas da América Central e do Sul, esse óleo vem conquistando cada vez mais o seu espaço e já disputa com o argan como o favorito para nutrir e hidratar as madeixas.

Ele é mais puro e penetra mais profundamente no fio, tratando o cabelo de dentro para fora. Por ser rico em lipídeos, ele ajuda no combate ao temido frizz, além de renovar as células e melhorar a saúde dos fios.

O óleo de ojon pode ser usado em todos os tipos de cabelo, mas é especialmente indicado para os quimicamente tratados ou que fazem uso constante de secador ou chapinha.

Próximo

3. Óleo de coco

Queridinho principalmente das mulheres com cabelos cacheados, o óleo de coco é usado de diversas formas: como pré-poo, para fazer umectação, como um booster da máscara, para finalizar, evitar pontas duplas… Isso porque ele é rico em vitaminas e ácidos graxos que são capazes de nutrir profundamente e fortalecer os fios.

Quer saber mais detalhes sobre essa belezinha? Confira todos os benefícios e jeitos de usar o óleo de coco!

Encontre em: Shampoo, Condicionador, Máscara de Tratamento e Creme de Pentear Love Beauty and Planet Hope and Repair.

4. Óleo de jojoba
De textura leve, ele não pesa nos fios e, além de ser utilizado na umectação e na nutrição das madeixas, o óleo de jojoba pode ser aplicado no tratamento do couro cabeludo, ajudando a regular a oleosidade da raiz. Isso porque ele consegue dissolver o sebo acumulado na região e auxilia no combate à caspa.

É por esse motivo, aliás, que ele também é conhecido por ajudar no crescimento dos cabelos, pois o acúmulo de sebo impede o fio de crescer e propicia a queda, e quando esse excesso de sebo é removido, ele volta a crescer normalmente.

Mulher aplica óleo capilar nos fios
Foto: iStock

5. Óleo ou manteiga de karité

Em formato de óleo ou até de manteiga, esse ingrediente é obtido a partir das sementes de uma árvore africana de mesmo nome. Entre os benefícios do óleo de karité está o fato de ser bastante nutritivo, contendo em sua composição ácidos graxos de triglicerídeos com alto teor ômegas 6 e 9, além das vitaminas A e E.

Por outro lado, o óleo vegetal para cabelo feito à base de karité costuma ser bastante gorduroso, sendo mais recomendado para fios secos e ressecados.

Encontre em: Shampoo, Condicionador e Creme de Pentear Seda Crespo Force by Gabi Oliveira.

6. Óleo de macadâmia

Ideal para quem tem cabelos finos, cacheados ou ondulados e que deseja alinhar as madeixas, o óleo de macadâmia possui ação hidratante e reconstrutora dos fios, além de aumentar o brilho e melhorar a sua elasticidade. Ele é extraído de nozes do mesmo nome, originárias da Austrália ou da África, é rico em vitamina E, ômegas 3 e 6 e gorduras poli-insaturadas.

Encontre em: Creme de Pentear Seda Boom Volumão.

7. Óleo de amêndoas

O óleo de amêndoas recupera e nutre o cabelo danificado e reduz o volume. Ele é rico em vitaminas A, B1, B2 e B6 e riquíssimo em vitamina E – e, por isso, é considerado um poderoso antioxidante.

Porém, é importante ressaltar que o tratamento deve ser feito com um cosmético específico para cabelos, seja em formato de óleo para umectação ou como um componente presente em máscaras, shampoos e condicionadores.

Encontre em: Shampoo, Condicionador e Creme de Pentear Seda by Rayza Babosa + Óleos.

8. Óleo de pracaxi

De origem nacional, o óleo de pracaxi é feito com base em sementes da árvore amazônica de mesmo nome. É rico em ácido behênico e é altamente hidratante, oferecendo, assim, maciez e brilho intensos. Além disso, é bastante usado para evitar caspa e outros problemas capilares.

Além disso, auxilia no controle de queda dos fios, da mesma forma que acontece com a jojoba. Esse óleo vegetal para cabelo também pode ser utilizado para potencializar a ação de máscaras de tratamentos, shampoos e condicionadores.

9. Óleo de rícino

O óleo de rícino é extraído das sementes da mamona e rico em propriedades antioxidantes, vitamina E e ácidos graxos, como o ômega 6 e o ômega 9. Esse produto é conhecido, principalmente pelo fortalecimento e crescimento do cabelo.

Mas não é só isso. Esse óleo capilar também tem o poder de hidratar os fios e até controlar a oleosidade e ajudar no controle da caspa.

Encontre em: Shampoo TRESemmé Crescimento Máximo e Condicionador TRESemmé Crescimento Máximo.

 

10. Óleo de abacate

Rico em ácido fólico, vitaminas A, C e E, potássio e proteínas, o óleo de abacate ajuda a nutrir e repor as vitaminas perdidas dos fios.

Todas essas propriedades também colaboram no fortalecimento dos fios, importante principalmente para cabelos quebradiços, e na hidratação.

Encontre em: Shampoo Seda Pós-Danos by Rayza, Super Condicionador 1 Minuto Seda Pós-Danos by Rayza e Máscara de Tratamento Seda Pós-Danos by Rayza.

 

Como usar óleo vegetal no cabelo?

Uma das formas mais comuns de usar o óleo vegetal nos cabelos é aplicar algumas gotas nos fios já secos, como um reparador de pontas. Aplique o produto apenas no comprimento e espalhe com as mãos. O óleo vegetal ajuda a formar uma película protetora nos fios, hidratando e dando brilho.

Já na umectação e na umectação noturna, o produto pode ser aplicado em todo o cabelo, mas é preciso retirá-lo lavando os fios em seguida. Outro jeito de usar o óleo é como pré-shampoo, para hidratar os fios antes do banho. Nesse caso, aplique o produto no cabelo todo, deixe agir por 20 minutos e depois lave normalmente com shampoo e condicionador.

“Todos os tipos de cabelo podem usar óleo, mas é importante lembrar que cabelos finos devem receber uma carga baixa de óleo. Cabelos de espessura mais grossa devem receber uma carga maior”, ensina a dermatologista.

Quanto tempo deixar o óleo vegetal no cabelo?

Se você estiver fazendo umectação, o indicado é deixar o óleo no cabelo por duas horas para que o produto consiga penetrar nos fios e trazer todos os benefícios.

Você também pode dormir com o óleo no cabelo e investir na umectação noturna, na qual o produto age nos fios durante a noite toda.

Como tirar o óleo do cabelo?

Seja na umectação ou na umectação noturna, é possível tirar o óleo do cabelo lavando com shampoo e condicionador. Lave bem e massageie o couro cabeludo delicadamente para garantir que todo o produto foi tirado dos fios. Assim você garante que eles não fiquem pesados e oleosos.

Pode usar óleo todo dia no cabelo?

Se você for usar como finalizador, para reparar as pontas duplas e ressecadas, dar brilho e maciez, pode usar óleo no cabelo todos os dias.

Tratamentos mais profundos, como a umectação, a gente recomenda que sejam feitos uma vez por semana ou a cada 15 dias, dependendo da necessidade dos seus cabelos.

Inspire-se

Inscreva-se na nossa newsletter e receba dicas exclusivas para cabelos incríveis