Óleo de ojon: conheça os benefícios que ele oferece aos fios danificados

O óleo de Ojon é uma das apostas para conquistar fios saudáveis, macios e brilhantes. Confira!

Os óleos vegetais são usados com a finalidade de conquistar fios saudáveis, macios e brilhantes. Já existe uma grande variedade deles disponível no mercado, o que pode te deixar confusa na hora de escolher a melhor opção. Para ajudar, vamos falar sobre um óleo específico, conhecido como óleo de ojon.

O óleo de ojon e seus benefícios

O óleo de ojon é extraído da semente de uma palmeira proveniente da América Central e do Sul, sendo chamado, em muitos casos, de “milagre caribenho” por suas propriedades hidratantes e nutritivas e o alto poder de penetração que ajuda a tratar o cabelo de dentro para fora. Além disso, ele é rico em lipídeos, ajuda a eliminar o frizz, renova as células e melhora a saúde dos fios.

O mais legal é que o óleo de ojon é democrático e pode ser aplicado em todos os tipos de cabelo. Porém, é mais indicado para o que são quimicamente tratados ou recebem constantemente o calor de secadores e chapinhas.

Além de ser mais puro, o óleo de ojon é mais denso e encorpado quando comparado a outros óleo e é possível encontrá-lo na lista de ingredientes da fórmula de produtos para cabelos como sérum, anti-frizz, máscaras de tratamento, shampoos e condicionares.

Como usar 

modelo de óleo de ojon
Usar o óleo sozinho já é suficiente para tratar dos fios

Outro fator que faz o óleo de ojon ganhar pontos positivos, é facilidade de aplicação. O óleo puro, por exemplo, deve ser aplicado nos fios após processos químicos como tratamentos, alisamentos e tinturas, para um melhor resultado. Sendo usado assim, ele nutre cabelos danificados, reduz o volume e elimina o frizz dos cabelos mais secos.

Ele também é eficaz como protetor térmico antes quando aplicado antes da utilização de secador, chapinha ou modeladores de cachos que transferem calor para os fios. Para isso, basta aplicar algumas gotas no cabelo ainda molhado.

Usar o óleo sozinho já é suficiente para tratar dos fios, portanto, a não ser que ele já faça parte da composição do produto, não é necessário adiciona-lo com outros óleos vegetais ou cremes.

Um truque é aplicar o óleo nos fios entre o uso do shampoo e condicionador para reparar danos de ressecamento. Mas, por maior que seja a vontade de receber o benefícios do produto, não é recomendável utilizar mais de três vezes na semana se você não quiser ficar com os fios pesados e oleosos.

Sugestão de produtos

A correta lavagem dos fios é muito importante para manter um cabelo bonito e saudável. Assim, é necessário o uso de produtos adequados.

Para cabelos secos, indicamos a dupla de shampoo Suave Mel e Amêndoa e condicionador Suave Mel e Amêndoa. A combinação deles é ideal para garantir cabelos hidratados, nutridos e com um aspecto natural.

Ao finalizar a lavagem é interessante hidratar e nutrir os fios. Para isso recomendados o creme para Pentear Seda Óleo Hidratação, que possui uma fórmula enriquecida com óleos de argan e Amêndoas e restaura o cabelo seco, criando uma película nos fios.