Óleo de coco no cabelo: o guia definitivo para aproveitar todos seus benefícios!

Este óleo vegetal pode entrar na sua rotina capilar de diversas formas - e em todas elas, o saldo final é pra lá de positivo: fios hidratados, nutridos e cheios de brilho!
leo-de-coco-para-cabelo-Capa-782x439.jpg

Você provavelmente já ouviu falar dos benefícios do óleo de coco para cabelo, certo? Ele possui tantas vantagens que deixou de ser apenas um ingrediente da cozinha para integrar a fórmula de produtos de beleza.

Mas será que esse óleo é mesmo tudo isso? E quais as vantagens o produto traz para os fios? Ele pode ser usado puro no cabelo? Tire suas dúvidas e aprenda como usar o produto nos fios.

Trata-se de um óleo de origem vegetal, extraído do próprio fruto. Entre os principais nutrientes encontrados no óleo de coco, estão os ácidos graxos, as vitaminas E e K, o ferro – o que torna esse ingrediente não só muito benefício para a saúde em geral, como também para o cabelo.

Benefícios do óleo de coco para o cabelo

De acordo com Ana Carolina Ribeiro, terapeuta capilar e professora de curso de Visagismo da Universidade Anhembi Morumbi, “assim como outros óleos vegetais, este é rico em lipídios essenciais para manter a barreira protetora do cabelo”.

Mas o óleo vai além e possui outros benefícios. Um deles é o auxílio no combate à caspa. “O ácido láurico presente em grande quantidade no coco ajuda a tratar a caspa”, explica a especialista. O óleo de coco ainda trata o córtex do cabelo, deixando os fios mais fortes.

Veja a lista completa de benefícios:

  • Diminui o frizz
  • Hidrata profundamente
  • Deixa os fios macios e aumenta o brilho
  • Combate as pontas duplas
  • Por funcionar como pré-shampoo, protege o cabelo ressecado da adstringência do shampoo
  • Ajuda a manter a saúde do couro cabeludo.

Quem pode usar óleo de coco no cabelo?

Todos os tipos de cabelo podem aproveitar seus benefícios. No entanto, Ana Carolina o indica principalmente para as cacheadas ou crespas, já que esses tipos de fio geralmente sofrem com ressecamento, por conta de seu formato em espiral, e precisam de uma dose extra de hidratação. Saiba mais sobre o uso do óleo de coco nos cabelos cacheados.

O óleo de coco também é ideal para tratar cabelos com química – seja com progressiva, tintura, alisamento… -, uma vez que o ativo repõe a oleosidade natural das madeixas.

Hidratação com óleo de coco: como usar o ingrediente no cabelo

Esse ingrediente é bastante versátil e pode ser usado de diversas formas na rotina de cuidados. Encontre a melhor para você:

1. Sozinho

Nesse caso, o produto pode ser aplicado diretamente nos fios, como se fosse uma máscara hidratante. Siga nosso passo a passo:

1. Divida o cabelo em quatro partes e prenda com presilhas.
2. Solte uma mecha e aplique o óleo de coco.
3. Faça o mesmo nas outras mechas.
4. Prenda todo o cabelo e coloque uma touca de banho.
5. Deixe o produto agir nos fios por 30 minutos.
6. Enxágue bem e lave com shampoo e condicionador. Nossa dica é usar a dupla Restauração Instantânea, de Seda.

2. Na umectação

A técnica é ideal para hidratar e nutrir seus fios – as cacheadas, inclusive, adoram!

1. Com o cabelo seco, prenda-o em um coque e deixe a parte de baixo solta.
2. Comece a aplicar o óleo de coco pelas mechas de baixo. Faça isso mecha por mecha.
3. Prenda o cabelo todo e deixe o produto agir por cerca de duas horas.
4. Enxague e tudo e lave bem os fios com shampoo e condicionador.

Se preferir, também dá pra fazer a umectação noturna, em que você dorme com o produto nos fios e só enxágua na manhã seguinte.

Modelo com os cabelos cacheados segura pote com óleo de coco para cabelo

3. Para turbinar sua máscara

Você também pode misturar o óleo de coco em uma máscara de tratamento para potencializar os resultados, sabia?

1. Como o óleo fica com textura pastosa em temperatura ambiente, separe uma colher dele em um pote e leve ao microondas por alguns segundos para derreter.
2. Separe uma quantidade de máscara de acordo com o comprimento dos seus fios e misture bem ao óleo.
3. Aplique a mistura em todo o comprimento do cabelo, mecha por mecha, evitando a raiz. Faça uma massagem para penetrar melhor. Em seguida, deixe agir por 15 minutos.
4. Lave os fios, retirando todo o produto. Se sentir necessidade, ao final, aplique creme para pentear, apenas nas pontas.

Lembrete: é importante não misturar o óleo diretamente no pote da máscara de tratamento que você usa, já que isso pode afetar a qualidade do produto. O ideal é separar a quantidade que será usada na hidratação e aí sim fazer a mistura, como orientamos anteriormente.

O óleo de coco pode ser incluído no cronograma capilar durante a fase de nutrição.

4. Na fitagem

Ela consiste em separar o cabelo em “fitas” e enluvar os fios com creme de pentear para definir os cachos. E a boa notícia é que o óleo de coco também pode ser adicionado ao creme para um efeito ainda mais potente!

1. Divida o cabelo em seções.
2. Misture seu creme de pentear com o óleo de coco em um pote separado e comece a aplicar um pouco de produto nas mechas, começando pela parte de baixo do cabelo.
3. Com movimentos firmes, penteie o cabelo com os dedos, separando-os em fitas, e distribua a misturinha pelo comprimento.
4. Amasse as fitas com as mãos em direção à raiz e deixe secar naturalmente.

5. Como pré-shampoo

O óleo de coco é uma boa opção de pré-shampoo, que forma uma camada protetora para blindar os fios contra a adstringência do shampoo, que pode intensificar o ressecamento quando o cabelo já está danificado.

1. Com o cabelo seco e sujo, aplique o óleo vegetal mecha por mecha cerca de 20 minutos antes de entrar no banho.
2. Espere o produto agir.
3. Agora, já pode entrar no chuveiro e enxaguar todo o produto.
4. Lave normalmente com shampoo e condicionador.

Cuidados especiais

É sempre bom lembrar que o uso excessivo do óleo de coco pode agravar o problema de fios oleosos. Assim como piorar a oleosidade no couro cabeludo. Por isso, caso você não se sinta segura usando o óleo de coco diretamente nos fios, o mais indicado é usar produtos com o ativo em sua composição. Dessa maneira, você não corre o risco de piorar o estado dos fios!

Outra dica muito importante é não secar os cabelos ou usar chapinha após o uso de óleos no cabelo. Aliado ao óleo, o calor pode danificar os fios.

E, por último, mas não menos importante: quando for comprar o óleo de coco, certifique-se de que ele seja virgem, 100% vegetal. Isso quer dizer que o produto não tem qualquer outro componente químico na fórmula.

Sugestão de produtos

Quer adicionar produtos formulados com esse ingrediente na rotina? Seu desejo é uma ordem! Nós, de All Things Hair, indicamos o shampoo e condicionador Love Beauty and Planet Hope and Repair, que contêm em sua composição óleo de coco virgem e orgânico, proveniente das Filipinas, para hidratar e nutrir os fios.

A máscara de tratamento e o creme de pentear da mesma linha potencializam os resultados para conferir uma aparência ainda mais saudável aos cabelos.

Próximo