Faz sentido usar soro fisiológico para hidratar cabelo? Descubra!

Você já experimentou usar soro fisiológico no cabelo? Saiba aqui se o produto realmente tem propriedades hidratantes e se pode causar algum dano aos fios. 

Você é do time que também ama receitinhas caseiras para turbinar a beleza e a saúde dos cabelos? Então prepare-se, pois o soro fisiológico é uma das promessas para hidratar os fios. Isso mesmo, aquele mesmo produto que você usa para limpar machucados e suas lentes de contato, sabe? Mas o que teria de tão poderoso nesse líquido?  O dermatologista José Carlos Greco esclarece essas e outras particularidades sobre usar soro fisiológico no cabelo.

 

Entenda como o soro fisiológico age no cabelo

Mulher com cabelos cacheados e molhados

Mas, primeiro, que é o soro fisiológico?

O soro fisiológico é uma solução esterilizada composta por uma mistura de água destilada e cloreto de sódio, também conhecido como sal de cozinha, em concentração de 0,9%. É utilizado para equilibrar a porcentagem de líquidos e de sal do nosso corpo. Por ser uma substância que não apresenta risco à saúde, pode ser comprada em qualquer farmácia sem receita médica.

Além de ser aplicado por meio intravenoso em caso de vômitos, hemorragias e outros problemas, o soro também pode ser utilizado para fazer a lavagem esterilizada de tecidos corporais. É comum que ele seja indicado para lavar olhos, nariz, feridas e queimaduras. E, quando o assunto é beleza, vale lembrar que ele também é uma boa pedida na hora de diminuir a dilatação dos poros do rosto e nutrir a pele!

Se faz bem pra pele, faz bem pro cabelo, certo?

Certíssimo! Segundo o dermatologista, o soro fisiológico é multifunções e pode sim ser utilizado diretamente no couro cabeludo e fios sem causar nenhum tipo de dano. Isso acontece porque ele consegue atingir um pH idêntico ao pH fisiológico dos sistemas corporais e muito próximo ao pH capilar. “É levemente ácido, em torno de 6 até 6.4. Neste pH ocorrem todas as reações químicas do nosso metabolismo”, explica.

Mas o soro fisiológico realmente hidrata os fios?

O médico explica que o soro fisiológico no cabelo realmente tem poder de hidratação, embora ele seja pequeno. “Mas seu efeito de quebra eletrostática é interessante, pois diminui de forma relevante o aspecto de frizz nos cabelos. No entanto, gosto de frisar que o melhor hidratante é a água. Quando uma pessoa ingere pelo menos dois litros por dia, todos órgãos agradecem, inclusive os cabelos e a pele”, revela.

Como usar?

O soro fisiológico pode ser aplicado diretamente nos fios secos ou com eles ainda úmidos, após o banho. No entanto, o dermatologista desmistifica que o soro fisiológico no cabelo tenha a capacidade de fechar as escamas da fibra capilar. “Isso não é possível pois o pH do produto aplicado tem que ser muito mais ácido do que o pH fisiológico do fio”.

Modos de aplicação

Primeiro, lave os cabelos com shampoo e condicionador para que a limpeza dos fios seja realizada por completo. Sugerimos o uso do Shampoo Seda Recarga Natural Pureza Detox, que ajuda eliminar a oleosidade em excesso retida no couro cabeludo e fios. Use em conjunto com o Condicionador Seda Recarga Natural Pureza Detox. Se os fios precisarem de uma atenção especial, experimente o Creme para Cachos Bed Head On The Rebound.

Depois de passar pelas etapas de lavagem, você pode aplicar o soro fisiológico diretamente no cabelo após o último enxágue. Quer uma dica final? Usar um borrifador ajuda bastante! 😉