Dormir com o cabelo úmido faz mal?

All Things Hair | 11 junho 2016

Por que dormir com o cabelo úmido não é uma boa ideia?

Toda a correria da vida moderna faz com que, muitas vezes, não sobre tempo para lavar os cabelos da maneira adequada. Quantas vezes você mesma não se deu conta de que seus fios não aguentariam mais um dia sem shampoo quando o relógio já marcava mais de 21h? E aí, não tem jeito: você encara o chuveiro e vai dormir com o cabelo úmido. Esse hábito, no entanto, não é nem um pouco saudável para os fios

Por que dormir com o cabelo úmido é ruim?

De acordo com especialistas, dormir com o cabelo úmido ou molhado, ao contrário do que diz a lenda popular, não mofa e nem apodrece os fios. Mas isso não significa que isso é positivo. O hábito realmente é prejudicial à saúde dos cabelos porque a umidade faz com que o couro cabeludo fique quente e úmido, transformando-se assim em um ambiente ideal para a proliferação de fungos.

O fungo que parece com mais frequência nessa situação é o malasezzia spp, que aumenta a produção seborreica e, consequentemente, causa descamação no couro cabeludo, problema popularmente conhecido como caspa. Em situações mais extremas, o quadro pode evoluir e levar até à queda dos fios.

Além dos fungos, o hábito de dormir com os cabelos úmidos ou molhados, pode tornar os cabelos mais frágeis. Nessa situação, eles ficam mais frágeis e sujeitos à quebra. Assim, o simples atrito com o travesseiro, por exemplo, pode levar ao rompimento da haste.

Sugestão de produto

Em caso de caspa, procure um especialista. Na maior parte dos casos, aparições brandas do problema podem ser controladas apenas com o uso de um shampoo específico, como o Shampoo Clear Alívio Da Coceira.

Deixe secar naturalmente

Os dermatologistas especializados em cabelos são unânimes ao dizer que a maneira mais saudável de secar os fios é naturalmente. Isso significa que o ideal é mesmo lavar os cabelos durante o dia, enquanto há tempo suficiente para que percam a umidade sem precisar de artifícios mecânicos, como secador.

Quando isso não é possível, não tem jeito, o secador vira mesmo uma opção. Porém, é preciso tomar alguns cuidados antes de recorrer ao aparelho. O primeiro passo para evitar que essa ferramenta danifique os fios é aplicar um protetor térmico antes da secagem. Além de proteger os cabelos de eventuais danos provocados pelas altas temperaturas, o produto também ajuda a dar mais brilho e, no caso de quem faz escova, manter o efeito liso prolongado.

Além disso, é importante manter o aparelho a uma distância de aproximadamente 20 cm dos fios, sempre em temperatura baixa ou moderada. Lembre-se também de deixar o aparelho por, no máximo, 3 segundos voltado para cada mecha. Os secadores ionizados são os mais indicados para a missão, porque secam mais rápido e evitam a exposição exagerada dos cabelos ao calor.

Outros truques

Ainda que usar o secador de cabelos seja o mais indicado quando não há possibilidade de deixar os fios perderem a umidade naturalmente, quem não tem o aparelho em casa ou está no meio de uma viagem, por exemplo, sem acesso à ferramenta, também pode recorrer a alguns truques para minimizar os danos aos fios.

Primeiro, deixe secar o máximo possível antes de deitar. Depois, vale trocar a fronha de algodão pela de cetim. O tecido cria menos atrito com o cabelo, o que diminui as chances de quebra dos fios. Prender os cabelos no alto da cabeça com um elástico de meia ou de tecido, ou ainda fazer uma trança solta antes dormir também são atitudes que protegem os fios dos danos. Essas técnicas também ajudam no formato dos fios na manhã seguinte. Eles vão ganhar um ondulado incrível.

Sugestões de produtos

Use sempre produtos de alta qualidade, indicados para o seu tipo de cabelo. Donas de cabelos lisos se beneficiam do Shampoo Seda Liso Extremo encontram um aliado no Condicionador TRESemmé Cachos Perfeitos, que hidrata os fios, sem sacrificar seu movimento natural.

Insira um @ no email informado
Você agora está inscrito na newsletter de All Things Hair.