Como não desistir da transição capilar: 5 dicas para manter a autoestima lá em cima

Aline Bibiano | 23 abril 2018
×

O momento é complicado, mas ir até o final do processo é recompensador!

A transição capilar é um processo de muito autoconhecimento e aceitação. Uma fase importante e com muitos benefícios, o que não quer dizer que seja fácil. Ter que lidar com duas texturas capilares e ainda, muitas vezes, com os comentários das pessoas pode ser desencorajador. Por isso, separamos algumas dicas infalíveis de como não desistir da transição capilar.

Pense em fatores positivos de como não desistir da transição capilar

Mentalize tudo o que te fez iniciar a transição capilar e pense em uma vida sem esses problemas. Ninguém escolhe passar por esse processo à toa. Cada pessoa tem uma motivação diferente, muito válida para usá-la como incentivo para continuar, seja para aproveitar sem drama um dia na piscina com os fios molhados ou não se incomodar com um dia de chuva, por exemplo.

5 dicas de como não desistir da transição capilar

1. Teste diferentes tratamentos

Como não desistir da transição capilar

Divirta-se com o cabelo nessa fase. É a hora ideal para saber do que realmente eles gostam ou não. Por isso, teste diferentes produtos e tratamentos para o seu tipo de fio e redescubra como tratar dos seus cabelos naturais.

2. A transição capilar é apenas uma fase

Como não desistir da transição capilar

A sensação é de que nunca vai acabar, mas saiba que nada nessa vida é permanente, nem mesmo a transição. Os fios estão crescendo e eles precisam desse tempo. É uma fase transitória e passageira. Paciência e perseverança são a chave de como não desistir da transição capilar. E o resultado final vai superar cada dia ruim, pode ter certeza.

3. Aposte em penteados afro

Como não desistir da transição capilar

As box braids, twists ou dreads removíveis podem ser uma saída estilosa, que também levanta a autoestima. Para não ter que lidar com as duas texturas do cabelo, cronograma capilar e finalizações demoradas, opte por uma saída prática. Essas tranças duram cerca de 3 meses no cabelo e, além de protegerem os fios dos danos externos são uma ótima opção para acordar todos os dias já maravilhosa.

4. Faça amizade com que já passou ou está passando pela transição capilar

Como não desistir da transição capilar

Trocar informações e desabafos pode fazer toda a diferença. As redes sociais são ótimas para isso. Participe de grupos sobre transição, lá você pode fazer amizades e compartilhar como está se sentindo. Além disso, traga essa experiência para a vida real. Convide as novas amigas para sair, trocar incentivos fará essa fase passar  de um jeito mais fácil.

5. Use acessórios e penteados ao seu favor

Lenços e turbantes são ótimas saídas para enfeitar os cabelos quando você não souber o que fazer. Além disso, investir em penteados como coques e tranças embutidas são ótimas alternativas para disfarçar as duas texturas de cabelo. Aproveite a fase para aprender a fazer alguns estilos diferentes nos fios.

Sugestões de produtos

Que tal começar essa fase investindo na limpeza dos fios? Para isso, sugerimos a dupla Tresemmé Shampoo Selagem Capilar Crespo Química e Tresemmé Condicionador Selagem Capilar Crespo Química. Desenvolvidos com aminoácidos e manteiga de karité, os dois ajudam a restaurar, a selar e a hidratar o cabelo danificado pela química.

Aposte também no Creme de Tratamento Dove Ultra Cachos, que penetra nos fios e colabora na nutrição e na definição dos cabelos. Para finalizar, sugerimos o Creme Para Pentear Seda Boom Transição. Com óleo de argan e biotina em sua formula, o produto ajuda no crescimento e na hidratação dos fios.