Cabelo colorido masculino: tudo sobre a tendência

O cabelo colorido masculino está em alta! Mas será que você sabe como apostar na tendência ou mesmo como cuidar dos fios tingidos? Aqui, você esclarece essas e outras dúvidas.

O cabelo masculino colorido está na moda! Se antes a intenção dos homens era apenas cobrir os fios brancos com cores tradicionais (e mais discretas) como preto, castanho e loiro escuro, agora eles se sentem muito mais confiantes para apostar em outras muito mais ousadas. O loiro platinado, aquele claríssimo que deixa os fios propositalmente quase brancos, foi a nuance pioneira da tendência que evoluiu para cores fantasia, como roxo, azul, rosa e verde, por exemplo.

Mas como saber se esse estilo é mesmo para você? Como investir na tendência? E mais: como cuidar dos novos fios? Aqui você tira todas as suas dúvidas.

Como conquistar o cabelo colorido masculino

O primeiro passo antes de aderir à tendência é procurar um cabeleireiro ou barbeiro de confiança. Melhor ainda se ele for um colorista, isto é, profissional especializado na coloração dos fios. Ele será a pessoa mais indicada para analisar o estado atual do seu cabelo e decidir junto com você qual a cor que mais combina com seu tipo de fio, corte, estilo de vida e tom de pele, por exemplo. Mas como saber se esse profissional é mesmo um dos melhores no assunto? Fácil: comece a segui-lo em redes sociais como Instagram e verifique se ele já fez uma coloração parecida com a que você deseja em outros clientes.

Ah, um lembrete mais do que importante: nem pense em tentar colorir os fios em casa. Trata-se de um procedimento bastante delicado que envolve a descoloração dos fios. Se realizada de maneira incorreta, pode deixar os fios mais fracos e até, em casos mais graves, levar à queda de cabelo.

Ok, você encontrou o barbeiro que irá deixar seus fios coloridos. Antes de começar o procedimento, mostre para o profissional imagens de referência do que você deseja. Dessa maneira, fica mais fácil para ele ter certeza absoluta do que você quer. Em seguida, é feita a descoloração dos fios e a aplicação de um pigmento colorido superconcentrado. O grau de descoloração, alias, pode variar de acordo com tom escolhido: acredite, ela é mais simples para tons mais fortes e chega quase perto do branco para tons claros e lavados, as chamadas cores candy.

Cuidados para prolongar a cor

Acredite, seu cabelo não vai ser o mesmo depois de tingido. Ele tende a ficar ressecado por causa da química, mesmo se antes ele era muito oleoso. Por isso, hidratação é fundamental. E melhor: você pode fazer em casa mesmo. Aplique máscaras ou ampolas de tratamento apenas no comprimento e pontas, ou seja, passando longe do couro cabeludo. Para deixar a cor mais vibrante, você pode adicionar o pigmento colorido à máscara e aplicar no comprimento, enluvando mecha por mecha.

Você também vai precisar trocar seu shampoo e condicionador. Abandone versões mais abrasivas, como os antirresíduos, porque eles retiram o pigmento. No lugar, prefira produtos mais hidratantes, de preferência para fios quimicamente tratados ou coloridos.

Sugestão de produtos: o Shampoo Clear Men Limpeza Diária 2 Em 1, que promete ativar a camada de proteção natural do couro cabeludo. Após a lavagem, use o Creme de Pentear Dove Men+Care Força e Controle, que ajuda a controlar o volume e deixar o cabelo macio e bonito. Por último, aposte no Óleo Nexxus Oil Infinite  para finalizar as pontas e mantê-las hidratadas.