Descubra as causas da queda de cabelo masculino e como tratá-la

Ao contrário do que se imagina, os motivos não se restringem apenas à genética. Entenda o que pode levar à queda de cabelo masculino e como se prevenir e tratar.

A queda de cabelo masculino acomete homens de todas as idades, inclusive jovens, e pode ser causada por diversos fatores, como herança genética, hormônios, maus hábitos alimentares, cigarro, bebidas alcoólicas, estresse e até ansiedade.

Junte a esses fatores a ação da testosterona. Com o tempo, conforme vamos envelhecendo, esse hormônio sofre a ação de uma enzima que diminui consideravelmente a rapidez com que as células da raiz se multiplicam.

A seguir, saiba mais sobre queda de cabelo masculino e suas causas.

Genética, dermatite seborreia e até ansiedade podem ser causas da queda de cabelo.

Para entender melhor: com o funcionamento normal do organismo, o natural é que, de tempos em tempos, os fios caiam naturalmente e sejam substituídos por outros. Em média, o ser humano perde de 100 a 150 fios por dia.

No entanto, quando há a queda de cabelo fora do normal, os bulbos capilares se atrofiam e as células da região param de trabalhar. Ou seja: os fios caem e não conseguem nascer de novo (pelo menos não com tanta força).

É daí que surge a calvície, por exemplo. Conheça os fatores que podem potencializar a queda de cabelo masculino, abaixo.

1. Herança genética

Não dá para negar: a herança genética tem ação importante no processo da queda de cabelo masculino. “Se os familiares como pais e avós, do lado paterno e materno, apresentam perda de cabelos acelerada, é grande a chance do homem sofrer com o mesmo problema”, explica Dra Joana D’Arc Diniz.

E a profissional ainda alerta: “O agravante do problema é a alopecia androgenética, quando a perda de cabelo é provocada por uma combinação de andrógenos (hormônios masculinos ) e genética. A queda de cabelos por essa origem na maioria das vezes não é notada até que percebam as áreas de falha, por não ser em grande quantidade”.

Por isso, é importante ficar atento e descobrir o problema ainda no começo. Assim, é possível investir em tratamentos que retardem essa queda de cabelo precoce.

2. Ansiedade e estresse

A ansiedade e o estresse em excesso podem aumentar a intensidade e a velocidade da queda de cabelo por causa do aumento na produção do hormônio cortisol nesses momentos.

“A forma mais comum de queda por estresse é o eflúvio telógeno. Ela é branda, e passageira, causa queda de cabelo além do normal, mas a tendência é resolver de forma espontânea. O problema é que os eflúvios acabam se somando ao quadro de alopecia androgenética e isso pode levar ao aparecimento de áreas maiores ainda de perda cabelos, o que fará com que o tratamento seja mais longo”, indica a médica.

A alopecia areata também é um tipo de perda de cabelo que pode estar relacionada ao estresse. “É quando o sistema imunológico reage a altos níveis de estresse e ataca os folículos capilares, provocando a destruição”, conta.

Além de atingir o couro cabeludo, ela pode acometer também a barba em homens.

Além disso, a própria queda capilar também pode causar casos de ansiedade e depressão. “A queda capilar quando não tratada de forma correta provoca reações emocionais que tem como resultado negativo baixa autoestima, ansiedade e depressão”, conclui a profissional.

Por isso, quando houver alguma situação que cause problemas emocionais, seja no trabalho, em casa ou com a família, é importante se cuidar.

Atividades que liberem adrenalina, como um esporte, um passeio ou um hobby podem ajudar a acalmar os ânimos e atrasar a queda de cabelo masculino.

E o diagnóstico precoce de queda de cabelo permitem um tratamento mais rápido e eficiente. Não deixe de procurar um profissional.

3. Alimentação e hábitos ruins

Reveja o que coloca no prato se sentir os cabelos rareando (ou, melhor, se não quiser que isso aconteça) porque isso pode estar acontecendo por falta de vitaminas.

“Adote uma alimentação rica em nutrientes como sais minerais, vitaminas e proteínas e garanta a ingestão correta de água diariamente. Portanto, nunca deixe de ingerir proteínas de origem animal ou vegetal, frutas, laticínios, verduras escuras e legumes todos os dias, para manter a estrutura natural do cabelo”, aconselha.

Comer itens gordurosos com frequência enfraquece o organismo e pode favorecer a queda de cabelo masculino. Aproveite para eliminar hábitos ruins, como o tabagismo e consumo exagerado de álcool, pois eles também colaboram para o problema.

como acabar com a queda de cabelo masculino
Aproveite para eliminar hábitos ruins, como o tabagismo e álcool

4. Sua saúde

Questões hormonais costumam refletir no enfraquecimento da raiz e causar queda de cabelo masculino. Por isso, faça um check-up geral para verificar se a queda não é um sintoma de algum outro problema de saúde.

“Outros fatores relacionados a queda capilar masculina é a falta de nutrientes essenciais, perda repentina de peso, baixos níveis de ferro, antidepressivos, anabolizantes e quimioterápicos. Além disso, alteração da glândula tireoide, anemia doenças autoimunes, lúpus, diabetes, psoríase ou dermatite seborreica, também podem causar queda de cabelo masculina, em áreas frontais ou no centro do couro cabeludo. Infecções por fungos podem causar a queda não só de cabelo, mas de pelos”, elenca Dra. Joana D’Arc.

Além disso, algumas doenças, como a Covid-19, também podem servir de gatilho para a queda de cabelo.

Por isso, se perceber qualquer alteração, procure um dermatologista. O profissional vai indicar os cuidados certos, com produtos adequados, como shampoos, loções e até comprimidos, para tratar a situação.

5. Falta de cuidado no dia a dia

Abafar a cabeça usando bonés e chapéus com muita frequência, sobretudo com os fios ainda molhados pode levar à queda de cabelo. Por isso, procure deixar seu couro cabeludo respirar.

Na hora de lavar, fique atento à temperatura da água: se estiver muito quente, pode desregular o funcionamento das glândulas sebáceas, deixar os fios mais oleosos e aumentar a propensão à queda. Prefira água morna ou fria.

Homem com cabelos curtos e óculos de grau
Deixe seu couro cabeludo respirar sempre que possível

Como tratar a queda de cabelo masculino?

O tratamento da queda de cabelo masculino vai depender do que causou o problema. Podem ser usados shampoo antiqueda e outros produtos que fortaleçam os fios, remédios e outros tipos de tratamentos para serem feitos por um profissional.

Por isso, é essencial se consultar com um especialista antes de tudo para que ele consiga definir o que está causando a sua queda de cabelo e qual o tratamento mais adequado.

Como evitar a queda de cabelo masculino?

Para quem tem a calvície como um fator genético, o ideal é procurar um dermatologista antes de a queda começar. Assim é possível prevenir o problema, que costuma começas no home jovem ainda, muitas vezes já na adolescência.

Investir em uma alimentação saudável, rica em vitaminas e nutrientes também é importante assim como não abafar o couro cabeludo molhado com acessórios, como boné.

Por último, mas não menos importante, higienize bem o couro cabeludo e os fios com shampoos para a necessidade do seu cabelo. Manter a região sempre limpa é importante para evitar o aparecimento de doenças, como a dermatite seborreica, e consequentemente a queda capilar.

FAQ Queda de cabelo masculino

Sobraram dúvidas? A gente responde mais algumas perguntas sobre queda de cabelo masculino, abaixo.

É normal cabelo masculino cair no banho?

Sim, é normal o cabelo cair no banho e quando penteamos também. Perdemos, em média, entre 100 e 150 fios  por dia. Mas, se você perceber que o seu padrão de queda de cabelo está mais acentuado do que o habitual, procure um profissional para investigar as causas.

Quando a queda de cabelo é preocupante?

Perdemos mais ou menos de 100 a 150 fios de cabelo por dia, mas cada pessoa tem um padrão de queda diferente.

Por isso, se você perceber que para o seu padrão, seus fios estão caindo mais do que o normal, esse é um sinal de alerta para você consultar um médico e identificar as causas desse problema.

Qual a melhor vitamina para queda de cabelo masculino?

Entre as melhores vitaminas para os cabelos estão as do complexo B, que fortalecem os fios e evitam a queda de cabelo e a quebra.

Sugestão de produtos

O Shampoo Clear Men Queda Control ajuda a fortalecer os fios e evita a queda de cabelo masculino – graças à cafeína, que estimula os folículos capilares, garantindo um crescimento saudável dos cabelos que afasta a calvície.

Para quem quer cabelos bem limpos e saudáveis, pode experimentar o Shampoo Anticaspa Clear Sports Men Limpeza Profunda.

O Shampoo Clear Men Anticaspa Cabelo e Barba também é uma boa escolha para quem quer um produto só para higienizar os fios e os pelos do rosto.

Especialista consultada:

  • Dra Joana Darc Diniz – Diretora Científica da Sociedade Brasileira de Medicina Estética–RJ e Diretora da Sociedade Brasileira do Cabelo – RJ.
Artigo anterior
Artigo seguinte
Decoration image
Decoration image